PUBLICIDADE

Topo

Violência contra a mulher

Atriz americana sobre estupro sofrido aos 21 anos: "Estragou minha cabeça"

A atriz Rose McGowan - Reprodução/Instagram
A atriz Rose McGowan Imagem: Reprodução/Instagram

Da Universa

17/03/2019 14h03

Voz importante do movimento #MeToo -- ela foi uma das primeiras mulheres a denunciar o produtor Harvey Weinstein -- a atriz americana Rose McGowan, de 45 anos, das séries "Jovens Bruxas" e "Once Upon a Time", falou sobre os estupros sofridos durante sua vida.

Ao jornal "The Guardian", Rose disse que ter sido violentada aos 21 anos "estragou sua cabeça" por um tempo. "Aconteceu em momentos diferentes antes disso, na primeira vez eu tinha 14 anos. Com o 'Monstro'. Eu tentei dizer às pessoas. Uma advogada criminal me disse: 'Você é uma atriz. Você fez uma cena de sexo. Ninguém vai acreditar em você'. Naquela época, ela estava certa. Hoje, não estaria", afirmou.

Rose ainda fez críticas a comentários recorrentes que surgiram depois das primeiras denúncias e reclamações femininas sobre assédio. "As pessoas que dizem que não sabem mais paquerar são muito idiotas. O que elas querem dizer é: 'Não posso mais abusar do meu poder nas entrelinhas como fiz por muito tempo'. As pessoas precisam ser um pouco mais espertas, é só isso que peço."

Atualmente, ela conta, vive um relacionamento com uma mulher, mas diz: "Minha esperança nos homens não está destruída". Sobre a cultura do estupro, Rose afirma que precisamos mudar a maneira como nos referimos a abuso de poder e assédio sexual.

"Estupro não é sexo. É roubo. É um abuso maciço de poder e um erro de justiça. Não é um crime sexual. O problema pode se manifestar de maneira sexual às vezes, mas, por trás disso, há um abuso de poder", finaliza.

Violência contra a mulher