PUBLICIDADE

Topo

Stalkeadas

Um olhar diferente sobre o que bomba nas redes sociais


Stalkeadas

Mulher espancada: post de Carlos Bolsonaro sobre autodefesa vira piada

Carlos Bolsonaro, vereador pelo Rio e filho do presidente eleito, Jair Bolsonaro - Sergio LIMA/AFP
Carlos Bolsonaro, vereador pelo Rio e filho do presidente eleito, Jair Bolsonaro Imagem: Sergio LIMA/AFP

Luiza Sahd

Colaboração para Universa

19/02/2019 14h46

No último final de semana, a empresária Elaine Caparróz foi encontrada desmaiada após sofrer quatro horas de espancamento por Vinícius Batista Serra, na Barra da Tijuca (RJ), onde a vítima mora.

Ela foi resgatada após vizinhos ouvirem pedidos de socorro e acionarem a PM.

A discussão sobre o crime ganhou ampla cobertura midiática após a divulgação das imagens em que Caparróz aparece desfigurada explicando que estava dormindo com o agressor quando começou a ser esmurrada. Eis que o vereador Carlos Bolsonaro (PSL-RJ) surgiu com uma dica sobre a medida que poderia ter evitado o crime:

A confusão dos internautas em relação à proposta foi grande, já que, aparentemente, ninguém dorme com um revólver na cintura -- especialmente depois de um date, dormindo de conchinha. Ou dorme?

Ah, agora está tudo explicado.

Quem nunca comentou a notícia antes de ler os detalhes?

Mesmo os apoiadores do acesso a armas ficaram confusos

Twitter e família Bolsonaro: uma combinação polêmica

As estatísticas também não ajudam:

Boa pergunta!

Pode acontecer:

Eita.

Arma serve para tudo!

Se servir de consolo?

LEIA TAMBÉM: O que é feminicídio? Entenda a definição do crime que mata mulheres

Stalkeadas