PUBLICIDADE

Topo

Universa

Irmãos gêmeos descobrem que ambos são gays ao ficarem com o mesmo cara

Zack e Michael Zakar - Reprodução/Instagram
Zack e Michael Zakar Imagem: Reprodução/Instagram

Do UOL

29/06/2017 09h09

Escritores, modelos e militantes LGBTQ, os gêmeos Michael e Zach tiveram uma saída do armário nada fácil - e qual é?. Filhos de uma mãe iraquiana e bastante religiosa, foram chamados de "arrependimentos". "Algumas mães choram, outras abraçam. A nossa jogou água benta em nós", dizem.

Militantes pela causa LGBTQ, eles contaram em seu canal do YouTube que a descoberta da homossexualidade de ambos foi, no mínimo, inusitada. Assista ao vídeo abaixo (em inglês).

Em 2011, quando estavam no último ano do colegial um não sabia que o outro era gay, “apesar de ser bastante óbvio”, dizem. 

 

Zach ficou doente e afastado da escola por uma semana e um de seus amigos– que seria a cara de Pete Wentz, o galã emo da época – deu em cima de Michael e eles ficaram juntos no banheiro. O que eles não esperavam é que duas pessoas do time de rugby do colégio, ao qual Zach pertencia, entrassem no banheiro e flagrassem os amassos.

No dia seguinte, Michael voltou ao colégio morrendo de medo do flagra quando chegou a última fofoca do colégio: que Zach (que ainda estava de cama) teria ficado com o tal amigo. A confusão, óbvio, se deu pela semelhança dos gêmeos.

Chegando em casa, Michael contou a Zach sobre a fofoca. A reação de Zach foi normal: "Nossa, nem imaginava que alguém tinha me pegado com ele no banheiro". O que Michael e todo mundo entendeu agora é que Zach já havia trocado beijos com o amigo e Michael só foi abordado por ter sido confundido com o irmão até pelo sujeito.

No fim de toda a história, os irmãos finalmente descobriram que ambos eram gays e essa deve ser uma das histórias mais inusitadas de saída do armário que se tem notícia.

Universa