Topo

Mães e filhos


Mães e filhos

Mãe dá de presente à filha transgênero hormônio para completar transição

Erica gravou um vídeo para mostrar a reação emocionada da filha, Corey - Reprodução/Youtube
Erica gravou um vídeo para mostrar a reação emocionada da filha, Corey Imagem: Reprodução/Youtube

Do UOL, em São Paulo

30/09/2015 10h22

A mãe de uma adolescente transgênero resolveu fazer uma surpresa para a filha na hora de contar que ela poderia iniciar a terapia hormonal para uma transição completa de gênero. Erica Maison, de Detroit, nos Estados Unidos, entregou à garota um embrulho de presente e registrou em vídeo a emoção dela ao abrir.

A mãe contou ao site americano "BuzzFeed" que a filha, Corey, 14, esperou dois anos pelo momento. "Quando percebeu o que tinha dentro da caixa, ela veio até mim e me deu um abraço. Nós duas choramos muito, nunca senti um amor tão forte como naquele momento. Foi um misto de alegria e alívio para nós duas", contou Erica ao site.

Erica relembrou durante a entrevista que Corey sempre foi feminina desde pequena. "Ela adorava usar vestidos e colocar salto alto, só que em público se vestia como um menino. Pensei que ela seria gay", falou.

Depois de sofrer bullying na escola, a mãe resolveu que a filha passaria a estudar em casa. “Aos 11 anos, ela assistiu ao vídeo da adolescente transgênero Jazz Jennings e disse: 'mãe, sou como ela, sou uma menina", contou Erica ao "BuzzFeed".

Longe da escola, Corey começou a ganhar confiança para começar a se vestir como uma garota em público. "Não foi fácil, pois, no começo, o cabelo dela ainda era curto e as pessoas olhavam feio, davam risada e tiravam foto. Até o dia que falei que, se alguém apontasse uma câmera de celular, ela devia sorrir e fazer uma pose. Isso aumentou a confiança dela."

Erica buscou um médico especialista em crianças transgênero para ajudar a família durante o processo de transição de Corey. A garota recebeu um implante hormonal para suprimir o avanço da puberdade, mas ainda não tinha idade para tomar doses de estrogênio (hormônio feminino).

"Geralmente, é difícil fazer o plano de saúde cobrir esses medicamentos para troca de gênero, portanto, estávamos preparados para escrever cartas e ligar para muita gente para que eles arcassem com o custo do implante (aproximadamente US$ 21 mil), mas, no fim das contas, deu tudo certo", afirmou a mãe para o site.

Os especialistas decidiram que Corey poderia começar a terapia hormonal em agosto deste ano, quando a menina completaria 14 anos. "A gente tinha de esperar eles darem o ok, que só veio em setembro. Foi tão surreal. Fui até a farmácia para buscar a dose tremendo durante o caminho inteiro."

Erica postou no Facebook o vídeo com a reação da filha e, desde então, só tem recebido comentários positivos. "Sabia que tinha a chance de ler várias maldades, mas, mesmo assim, quis postar, pois se esse vídeo ajudar, pelo menos, uma criança, toda negatividade valerá a pena."

"Acho que o maior problema da sociedade é que as pessoas não compreendem o que é ser transgênero. Todos nós só queremos ser amados e aceitados como somos, e é isso que desejo para minha filha", escreveu em um post na rede social.