PUBLICIDADE

Topo

Universa

Você tem problemas com a sua imagem? Profissionais dão dicas de como se aceitar

GISELA RAO

Colaboração para o UOL

18/05/2011 18h50

"Espelho, espelho meu, por que é tão difícil gostar desse corpo que é meu?”. Pois é, se a fábula da Branca de Neve fosse nos dias de hoje, certamente, seria um pouquinho diferente. Nunca a insatisfação com o visual esteve tão em alta. Uma pesquisa coordenada nesse ano pela empresa Sophia Mind, dedicada à inteligência de marketing feminino, revelou que apenas 8% das brasileiras estão totalmente satisfeitas com seu corpo. No total, 3.500 mulheres foram entrevistadas.

“Isso acontece porque, infelizmente, o nosso autojulgamento e a mania de comparação pesam muito. Mas as pessoas esquecem que ninguém é perfeito”, afirma Vivian Behar, psicóloga e colaboradora do Ambulatório de Transtornos Alimentares do Hospital das Clínicas (AMBULIM).

A psicóloga lembra que até a top brasileira Gisele Bündchen, modelo de beleza em todo o mundo, teve dificuldades de conseguir trabalho no início da carreira por causa de seu nariz grande, mas isso não a desmotivou. Ao contrário, ela aprendeu a valorizar seus melhores ângulos nas fotos.

“A maioria, ao contrário de Gisele, acaba viciada em se autodepreciar, e, portanto, sente cada vez mais dificuldade em descobrir o que tem de bom e reconhecer seus pontos fortes”, afirma Vivian.

Para a psicóloga Silvia Pedrosa, de São Paulo (SP), o problema está na forma exagerada como os brasileiros cultuam o corpo e valorizam a juventude, baseados em um padrão de beleza quase inexistente criado pela mídia.

“De perto, não temos um corpo lindo e maravilhoso. Então, quando olhamos o Photoshop da revista e o comparamos ao nosso corpo, temos um choque. Se a imagem que acreditamos ser ideal não corresponde à nossa, ficamos eternamente frustrados, infelizes, tentando nos aproximar daquele corpo que é referido como padrão de beleza”, diz Silvia.

O UOL Comportamento ouviu profissionais de diferentes áreas com tipos físicos variados, que deram dicas de como aceitar o corpo e se sentir satisfeito com o visual. Veja no álbum acima os depoimentos.

Universa