PUBLICIDADE

Topo

Moda

Mario Queiroz se inpira nas navegações para mesclar alfaitaria justíssima com camisões

Look traz bermuda, camisão e paletó de alfaiataria e risca de giz - Alexandre Schneider/UOL
Look traz bermuda, camisão e paletó de alfaiataria e risca de giz
Imagem: Alexandre Schneider/UOL

CAROLINA VASONE<br>Editora de UOL Estilo

17/06/2007 19h36

O homem que gosta da silhueta mais justa em tecidos de alfaiataria, sempre presentes na coleção de Mario Queiroz, agora ganhou um toque mais confortável, entre praiano e desencanado, graças a inspiração do estilista para o seu Verão 2008: a época das grandes navegações.



O tema aparece nas estampas meio gráficas, meio rabiscadas, que lembram mapas antigos, em marinho no fundo off-white (branco sujo), nesta silhueta mais solta em camisões e camisas moles, quase amassadas, em cambraia de algodão. Os toques artesanais, como a camiseta de croche sem manga (talvez alusão às redes dos barcos?) e as cordinhas nas camisas também devem vir da inspiração nas navegações, assim como a beleza do desfile, de garotos de cabelos desgrenhados e rosto vermelho, entre queimado de sol e machucados.



Essa idéia do homem perdido em viagem pelo meio do mar, no entanto, aparece como coadjuvante das calças justíssimas (em alguns momentos, um pouco justas demais, quase como se os modelos se sentissem apertados nelas) e os paletós, que ora aparecem em materiais diferentes, como o piquê (do look em preto), ora em tecido de alfaiataria. Coletes também são usados, em tecido mais rústico, fazendo par com as camisas em cru.



Na cartela de cores, tons sujos, preto, off-white e pitadas de cor no azul marinho e um pouco de laranja.

Moda