PUBLICIDADE

Topo

Moda

Lino Villaventura fecha sábado com espetáculo de moda em branco

Toda de branco, Michelli Provensi desfila com vestido e lente de contato vampirescos - Alexandre Schneider/UOL
Toda de branco, Michelli Provensi desfila com vestido e lente de contato vampirescos
Imagem: Alexandre Schneider/UOL

CAROLINA VASONE<br>Editora de UOL Estilo

16/06/2007 23h47

O público aplaudiu de pé. As imagens de moda criadas por Lino Villaventura costumam, mesmo, deixar a platéia de seus desfiles impressionada. Desta vez, o que agradou os fashionistas e clientes de Villaventura foram as imagens totalmente brancas de toda a coleção, com um toque de estranheza nas lentes de contato também brancas que os modelos usavam.



Os looks, entre diáfanos e vampirescos, desfilaram sobre a passarela preta brilhante. Ao fundo, o cenário fazia moldura arabesca de palco de teatro, com as cortinas também preta, num interessante contraste. O clima teatral podia lembrar Galliano, referência que já apareceu em outras coleções do estilista brasileiro.



O trabalho meticuloso de inúmeras nervuras, bordados, plissados, reunidos numa mesma peça, apareceu, como sempre, em todas as roupas e deixou mesmo o que era inteiro branco enfeitado. Os tecidos também não vinham assim, sozinhos, simplezinhos. O jacquard ganhou lurex, a seda textura amassada. Os bons desenhos dos vestidos ora se deixavam ver, ora deixavam os adornos aparecerem mais. No primeiro caso, destaque para o vestido de faixas leves com discreta transparência, unidas por cristais Swarovski. Ah, para se ter uma idéia do rebuscamento das roupas, foram usados 70 mil cristais para o desfile.

Moda