PUBLICIDADE

Topo

Universa

Turquia sem exotismos inspira desfile correto da Permanente

As bermudas - como essa com modelagem próxima a das calças turcas - marcam a coleção - Alexandre Schneider/UOL
As bermudas - como essa com modelagem próxima a das calças turcas - marcam a coleção
Imagem: Alexandre Schneider/UOL

CAROLINA VASONE<br>Enviada especial ao Rio de Janeiro

16/01/2007 18h39

A inspiração era a Turquia. Mas a estilista Andréa Saletto parece ter espirrado apenas um levíssimo perfume dos encantos e exotismos do país na coleção de inverno apresentada nesta terça (16), no Fashion Rio.



Segunda marca de Andréa Saletto, a carioca Permanente teoricamente apresentaria uma moda mais jovem. A coleção para o inverno deste ano, porém, continua no estilo clássico mais sofisticado da "grife mãe", sem muita brincadeira ou experimentações de formas ou cores. Mesmo os elementos turcos apareceram de maneira muito discreta, em medalhinhas aplicadas nos detalhes das roupas e num cachecol trabalhado. As calças e muitas bermudas, mais bufantes no quadril e afuniladas embaixo, algumas com cavalo deslocado, baixo, também faziam referência às calças turcas.



No geral, predominaram as bermudas na altura do joelho, usadas com ciclistas pretas por baixo. Tons sujos tingiram algumas peças, que apareceram em cinza, vinho, tons de marrom, bege, amarelo e um pouco de dourado. Nas estampas, tie-dye sobre príncipe-de-gales e grafismos em tons de amarelo, creme e preto, um dos únicos momentos de tons mais vibrantes da coleção.

Universa