PUBLICIDADE

Topo

Universa

Victor Dzenk faz vestidões "tropicais" e inspiração no Pará

A top Juliana Imai desfila para Victor Dzenk - Publius Vergilius/UOL
A top Juliana Imai desfila para Victor Dzenk
Imagem: Publius Vergilius/UOL

CAROLINA VASONE<br>Enviada especial ao Rio

10/06/2006 19h20

Uma arara bordada nas costas de um vestido, estampas de folhagens e araras, vestidões longos e esvoaçantes num tom quente de laranja com roxo. Foi assim que Victor Dzenk homenageou o Pará no desfile apresentado neste sábado (10), no Fashion Rio.



Se na edição passada o estilista fez da inspiração na Espanha uma tradução quase que literal das roupas folclóricas do país, desta vez as referências são menos óbvias. Com exceção da arara colorida, em cristais, do inicio do desfile e talvez da estampa também de araras, o resto dos looks não fez alusão gritante ao Pará. Trouxe variações sobre o mesmo tema de vestidões esvoaçantes com estampas de cores quentes, fechando com uma mais primitiva, tirada das cerâmicas marajoaras.

Universa