PUBLICIDADE

Topo

Horóscopo mensal - Junho


Horóscopo mensal - Junho

Exclusivo para assinantes UOL

Sagitário (22/11 a 21/12)

Por Barbara Abramo

Motivos para boas revisões não faltarão em junho: amizades, relações de trabalho, estilo de vida... A lista aumenta conforme os dias forem passando. O segredo para extrair o melhor desta fase desafiadora? Flexibilidade!

Menos certo de suas certezas, você estará mais aberto até para compreender e mudar. Não tenha medo de ir além do que conhece, já que a época astral favorece visões novas. Sol, Vênus e Mercúrio em harmonia com Urano entre 14 e 18 de junho, por exemplo, estimulam viradas de 180º.

Ainda bem que Júpiter volta a favorecer os nativos de Sagitário: visão ampla, projetos novos, associações estimulantes e novas ideias abençoam seu caminho. Júpiter esteve retrógrado há semanas, mas depois do dia 9 o astro retoma seu movimento direto, sinal de que a vida toma um rumo mais definido. Saturno continua retrógrado no seu signo, sinalizando revisões de comportamento íntimo.

Vários astros transitam por Câncer a partir da terceira semana. O elemento água, relativo às emoções, aos sentimentos e ao mundo interno, ganha destaque. É hora de você se aproximar deste mundo íntimo.

Saúde

Sendo um mês desafiador, tente escapar da roda-viva pelo menos durante a Lua cheia. Ela acontece em seu signo no dia 9. Emoções à flor da pele podem ter tudo a ver com algum mal-estar.

Como o Sol atravessa o ponto mais distante de Sagitário, esse é um sinal de vitalidade fraca, limites mais estreitos e instabilidades. Umidade e frio podem fazer mal e, no meio de junho, torções ou problemas musculares são tendência.

Amor

Excitação, romance e mudança estão no horizonte amoroso do sagitariano! Com o Sol (e depois Mercúrio) em Gêmeos, a ênfase dos relacionamentos estará nos parceiros e não em você.

Vênus e Saturno em trígono nos primeiros dias do mês anunciam compromissos sérios de amor, com decisões e escolhas no horizonte. Alguns sagitarianos poderão surpreender com o rumo que tomarão nesta área. Mal sabem os outros que por trás das surpresas, há reflexão amadurecida.

Procure dialogar e se entender melhor com sua cara metade entre 12 e 18 de junho; sem apelar para a rigidez, o medo e a necessidade de controlar, acertará o alvo. Promova o diálogo verdadeiro dando exemplo.

Sem consistência ou conteúdo não vale também: assim, se perceber superficialidade ou desatenção, talvez você tenha de tomar uma decisão delicada e difícil nestes mesmos dias. Esse corte necessário pode ser até com um amigo.

Um mês de paixões? Sem dúvida! Começa com e segue em outros momentos, como nos dias 20, 25, 26 e 27. Quem estiver solitário e em busca de um amor, já sabe que há luz no fim do túnel.

Família? Tudo melhora a partir do dia 9; entre 17 e 25, um período excelente para esclarecer vários pontos obscuros e estabelecer a paz. Não embarque na tentação das promessas vazias baseando-se no que você quer nestes dias, e sim no que pode realmente.

Quanto às amizades, um ponto alto deste mês, vale estar presente nos encontros. Muita coisa boa pode nascer desse convívio com os amigos. O retorno de uma amizade também pode ser uma nota feliz que encerra o mês com mais alegria.

Finanças

Focalize suas metas de trabalho e a sua profissão na primeira semana de junho. Com a Lua crescente em Virgem abrindo o mês, tudo que você tem a fazer é mostrar ao mundo, e principalmente para seu chefe ou outros superiores, que além de ideias universalistas e intelectualmente pioneiras, você sabe botar a mão na massa. Ou seja, transformar uma teoria muito complicada em algo que seja realizável.

E tem mais: o pessoal da sua equipe vai agradecer se você facilitar tudo, traduzindo suas orientações e explicações numa linguagem compreensível. Isso vale para todo o mês de junho.

Dê exemplo e aceite as opiniões de quem sabe analisar e catalogar; serão assistentes desse tipo que farão a diferença entre o sucesso e o fracasso nas suas metas profissionais deste mês.

Até o dia 21, enfatize o bom relacionamento com os clientes, consultores e empregadores; mais ainda se você exerce alguma atividade independente. Mostre capacidade de se reciclar e renovar para atender às demandas dos clientes; nada de bater o pé no chão com medo de inovar e acabar perdendo oportunidades.

Em assuntos de dinheiro, o clima pode ficar esquisito em 13 ou 14, especialmente se há envolvimento familiar ou se você depende ou aguarda decisões sobre heranças, aluguel ou venda de patrimônio. Além de deixar tudo bem claro com todos os envolvidos, tenha cautela com o dinheiro, pois até o dia 16 você terá problemas em receber o que é devido ou foi prometido.

Os dias 17 e 18 são estratégicos: decisões ousadas, rápidas e inovadoras podem encerrar algo chato e arrastado, abrindo novas frentes para você mostrar seu valor. Cabe aceitar um novo desafio profissional a esta altura do mês.

Quando o inverno começar, começa uma ótima fase para investir com um grupo de pessoas ou algo semelhante. Você também pode esperar receber valores prometidos. Somente evite gastar ou fazer contratos nos últimos três dias de junho, assim não corre o risco de se prejudicar.


Horóscopo