PUBLICIDADE

Topo

Horóscopo mensal - Dezembro


Horóscopo mensal - Dezembro

Exclusivo para assinantes UOL

Capricórnio (22/12 a 20/01)

Por Barbara Abramo

Cenário do mês

Fé, capricorniano! O assunto que Júpiter traz para o primeiro plano é seu maior desafio: ter otimismo, saber que no fim do túnel há uma luz e que, se ainda não está bem, é porque não terminou. Memorize quantas vezes você obteve ajuda inesperada em momentos difíceis, surgiu alguém como um anjo abrindo seu caminho ou quando, mesmo passando por uma situação delicada e aparentemente penosa, os resultados foram positivos.

Dezembro é para você se abrir para o mistério da vida. E não é frase feita, é treino para lembrar que, na maior parte das vezes, sabemos menos do que pensamos e controlamos menos do que gostaríamos. Fique com essa reflexão.

Com a chegada oficial do verão no hemisfério sul, o Sol entra em seu signo no dia 21. Daí em diante você vai contar com mais força, disposição e limpidez para viver e fazer o que quer. A Lua cheia em Câncer, no dia 22, traz ideias novas e inspiração poderosa para planejar seu futuro.

Saúde e bem-estar

Combata o desânimo da primeira semana apostando em vida ao ar livre, caminhadas e proximidade com a natureza. Fique nos bastidores nas primeiras semanas de dezembro para aproveitar ao máximo o mês das revisões e das reflexões -- caso contrário você terá menos tempo para elas devido ao apelo social que começa a partir da Lua cheia em Câncer, no dia 22.

Durante a primeira metade do mês, o melhor é ser mesmo esquecido e ter tempo para se cuidar como merece. Vá no embalo e limpe da sua vida o que não quer mais: pessoas, atividades, preocupações e estorvos. Saturno em seu signo sinaliza equilíbrio e boa vontade em ir no seu passo, sem pressa. O processo de mudança e renovação continua firme, com momentos altos no miolo e no fim de dezembro. Detox e limpeza emocional são os pontos a se dedicar na última semana.

Amor e relacionamentos

Diálogo e aproximação mental serão elementos importantes no amor para tornar a relação mais gostosa e fluida. Invista na boa comunicação -- se houver algum mal-entendido, esclareça tudo na segunda quinzena, a melhor do mês para o romance e o relacionamento.

A Lua cheia em Câncer, no dia 22, sinaliza compromisso e realismo, mas com uma devida dose de romance. Se você não está envolvido, pode ser que fique, sucumbindo à onda de aconchego e sonhos que chega com força total até o fim do ano. Apesar de tudo, Sol e Saturno privilegiam relações realistas e comprometidas. Porém, um pouco de sonho pode ter lugar. Sexo e intensidade encerram seu ano com forte aspecto entre Vênus e Plutão.

A melhor parte dos afetos deste mês fica com os amigos, alguns deles um tanto ciumentos e absorventes. Mas você sabe lidar com isso -- basta deixar seus limites bem claros. A fase divertida, e em alguns momentos bastante intensa, vem entre 16 e 23, ótimo período para estar com os amigos em vários momentos.

Em família, Marte anuncia hesitações e algo vago no ar. Parece que nada se acerta; pelo contrário, a confusão pode reinar entre os dias 6 e 8, que serão complicados para decisões, reuniões e combinações de fim de ano. Espere tudo clarear um pouco a partir da segunda semana. Possivelmente você terá de pegar o leme e direcionar as coisas, para então, entre os dias 17 e 19, todos agradecerem. Mas cuidado: podem reclamar que você quer controlar tudo.


Dinheiro e trabalho

Dezembro é o mês para você fazer um social e estar presente nos eventos, mas tudo a partir da segunda semana, e ainda assim de modo discreto. Não é um mês de realizações importantes, mas se encerra com a minguante lunar em Libra, no dia 29, fase propícia a encerrar o que não deu certo, as estratégias e linhas cujos resultados deixaram a desejar. Você precisa estar preparado para o arranque de fevereiro, quando estará com mais condições e força para o sucesso e o reconhecimento.

Quanto às finanças, na primeira quinzena são dívidas do passado que reaparecem ou precisam ser saldadas. Leia as linhas pequenas, consulte um advogado se precisar. Contratos e ações na justiça que envolvam seu trabalho ou recebimento de valores prometidos podem rondar novamente. Sonde, somente na segunda semana, um desfecho feliz. A segunda quinzena traz mais fluidez e até mais sorte no âmbito profissional. Se você está trabalhando com algo ligado a viagens, artes ou propaganda, aguarde boas notícias e realizações entre os dias 21 e 23.

Ainda sobre gastos: talvez você precise ajudar um parente com imprevistos na primeira semana. E Mercúrio retrógrado tem tudo a ver com isso. Tem a ver também com mal-entendidos com subalternos, perda de documentos relacionados com seguros de saúde etc. Essa parte é delicada nos primeiros oito dias do mês.


Horóscopo