PUBLICIDADE

Topo

Horóscopo mensal - Novembro


Horóscopo mensal - Novembro

Conteúdo exclusivo para assinantes

Aquário (21/01 a 19/02)

Por

Por Barbara Abramo

Previsão de dezembro: mais do que nunca, você segue seu caminho, até mesmo beirando o impopular e sem dar a menor bola para esse fato. Continue no seu ritmo. Seguro de si, você só precisará de uma pitada de flexibilidade e bom humor para passar por dezembro ainda mais numa boa.

Um momento emocional e espiritualmente enriquecedor e que promete boas surpresas vai de 10 a 15 de dezembro, quando o planeta da compreensão e dos ideais, Júpiter, forma aspecto colaborativo com Saturno, planeta que simboliza a realização. Saturno concretiza a promessa de Júpiter. Uma descoberta ou a compreensão de algo importante permitirá que se valorize ainda mais e se sinta confiante. Pode ser um evento, algo no mundo exterior ou fatos da vida privada. Não importa, o resultado é que você dará um salto importante.

A troca com o meio ambiente será mais intensa a partir da segunda semana. Filmes e leituras contribuirão para isso. Pequenas viagens, comemorações com o pessoal do escritório ou com antigos colegas trazem encontros importantes para você rever quem ainda toca seu coração.

A entrada do verão traz o Sol em Capricórnio e abre, assim, o período de revisão de vida anterior ao seu aniversário --ótimo para você diminuir as atividades externas e se dedicar mais a análises dos últimos meses, do que foi e não foi feito. Marte em Libra, após 8 de dezembro, atenta para dúvidas filosóficas, ideológicas e mentais capazes de levar a brigas e desentendimentos no fim do ano. Cuidado para não brigar à toa e depois perder o controle da situação.

Saúde

Saúde boa na primeira quinzena, mas requer movimento e ar livre, sem se deixar arrastar por um cotidiano anárquico e sem disciplina. Insônia e problemas de coluna tendem a ocorrer na segunda quinzena. Quanto mais você cultivar o retiro e a tranquilidade, melhor. Se puder, prefira um Réveillon longe do agito.

Amor

O Sol em Sagitário faz os amigos brilharem ainda mais na sua vida. O mês das amizades, dos projetos em comum com eles, das buscas por um mundo melhor está a pleno vapor desde os primeiros dias. Para você, é o melhor período do ano para conhecer gente nova e que tenha tudo a ver com suas ideias, projetos e esperanças. É o mês certo para encontrar a sua turma. Os amigos, no fim das contas, representam o farol que traz esperança e luz a sua vida. Então, brinde a eles!

A Lua nova no dia 2 traz novos e interessantes encontros. Para o amor, quanto mais semelhança filosófica e parâmetros mentais iguais, mais você irá entrar de cabeça. Sem isso, o panorama amoroso fica entediante e repetitivo. Assim é que pipocam as amizades e namoros por todo mês.

Para os aquarianos comprometidos, a camaradagem e a generosidade são requisitos essenciais para que a relação se mantenha no pique certo, com entusiasmo e romance no ar. Quebre a rotina na primeira e na segunda semanas, e encantará o ser amado. A partir de 21 de dezembro, a relação a dois pode exigir mais de você. É hora de mostrar o quanto sua cara metade importa. Problemas na família do cônjuge podem tirar o espírito alegre da terceira semana e cabe a você alegrar o clima com algo inteligente e leve. No fim do mês, com o cenário astral um tanto conturbado, quanto mais paciência e menos individualismo você mostrar, melhor será para a relação a dois.

Família segue bem, mas Vênus em Capricórnio, especialmente a partir da entrada do verão, traz preocupação com algum membro. Pode ser uma irmã, prima ou mulher importante da família que esteja precisando de ajuda bem no fim do ano e você tem de estar presente com a sua parte.

Amor: 15, 16, 20, 21 e 27.

Finanças

Júpiter e Saturno, ambos em signos emotivos e profundos, falam de uma oportunidade mágica de crescer profissionalmente, distinguindo-se por seus feitos, realizações e experiência entre a segunda e a terceira semanas. Ambos, em acordo astral, vibram por seu sucesso. Se na carreira tudo transcorre bem até 21 de dezembro, o mesmo não ocorre com seu dinheiro.

Finanças estão em momento crítico e, se você der um passo ousado até o dia 11, segure a onda depois, especialmente a partir de 21, quando Vênus retrocede em Capricórnio, fazendo você lembrar de alguma dívida antiga. Vênus traz assuntos de casa, herança ou dívidas de um familiar, que pesarão no orçamento. Caberá a você cobrir despesas imprevistas até a virada do ano. Por isso, preveja o futuro guardando um extra para os extras.

Você pode ter mais trabalho imprevisto antes de 17 de dezembro e, se der o seu melhor nisso, aplicando sensibilidade e experiência na dose certa, terá aberto um caminho para 2014 iniciar algo maior.

Revisões profundas e corte de gastos caem bem a partir de 26 de dezembro. Nos últimos dias do ano, você estará com a mente aguda e observadora, captando exatamente onde e como deve ser mudanças e aperfeiçoamentos para que suas finanças se equilibrem direitinho em 2014.

Finanças: 8, 9, 10, 22, 23 e 24.


Horóscopo