PUBLICIDADE

Topo

Morango

REPORTAGEM

Texto que relata acontecimentos, baseado em fatos e dados observados ou verificados diretamente pelo jornalista ou obtidos pelo acesso a fontes jornalísticas reconhecidas e confiáveis.

Influencer que emagreceu 45 kg alerta para pressão sobre o corpo feminino

A advogada e influenciadora Anna Carolina Tenório, 31 - Reprodução/ Instagram
A advogada e influenciadora Anna Carolina Tenório, 31 Imagem: Reprodução/ Instagram
Conteúdo exclusivo para assinantes
Ana Angélica Martins Marques

Ana Angélica Martins Marques

https://universa.uol.com.br/colunas/morango

Ana Angélica Martins Marques, a Morango, é mineira de Uberlândia, jornalista, fotógrafa e DJ. É também autora do livro de contos Quebrando o Aquário. Passou pela décima edição do Big Brother Brasil e só foi eliminada porque transformou o temido quarto branco no maior cabaré que você respeita. É vegetariana e cuida de três filhos felinos: Lua, Dylan e Mike.

Colunista de Universa

12/01/2022 04h00

"Quando iniciei meu processo de emagrecimento, eu tinha 27 anos. Tinha me separado e voltado para a casa dos meus pais. Me separei grávida do meu segundo filho, e passei por um quadro de depressão. Na época, em 2018, eu pesava 130 quilos. Depois, fui pegando gosto pela transformação e perdi peso, mas ainda sofro pressão para mudar meu corpo", conta a influenciadora Anna Carolina Tenório, 31 anos.

Paulista de São José dos Campos, Carol cursava o 4º ano de direito quando decidiu prestar o primeiro concurso público de sua vida, o da Polícia Militar. Aprovada na prova teórica, ela tinha um outro desafio: o teste físico. "Comecei a treinar todos os dias, de domingo a domingo, e fazer reeducação alimentar." Em dois meses ela emagreceu 17 quilos. "Saía do box de crossfit e fazia uma caminhada, uma corrida, pra ter um resultado mais rápido", conta.

Carol foi eliminada na terceira das cinco provas físicas do concurso, o sprint de 50 metros, em que é preciso percorrer 50 metros em 10 segundos. "Não há limite de peso pra fazer o teste físico. Porém, se eu tivesse sido aprovada, depois tem o exame médico e, sim, eu poderia ter sido barrada porque o meu IMC (Índice de Massa Corporal, um cálculo usado para avaliar o peso ideal em relação à altura) estaria muito acima da média."

Anna - Reprodução/ Instagram - Reprodução/ Instagram
Anna Carolina Tenório: 'Meu corpo já abrigou 130 quilos. Tem sinais da perda de peso. Tem flacidez. Tem marcas'
Imagem: Reprodução/ Instagram

'Peguei gosto por treinar'

A despeito do resultado do concurso da PM, a evolução rápida causada pela rotina de treinos e de reeducação alimentar foi o maior estímulo para que Carol continuasse. O foco não era a perda de peso, mas a transformação.

"Meu peso nunca foi uma questão para mim quando eu estava com 130 quilos. Nunca foi um problema, algo que incomodasse. Então nunca procurei emagrecer. Só que quando a gente vê os resultados e recebe elogios, a autoestima vai se elevando, e eu comecei a gostar de tudo isso. Então, mesmo com um resultado 'negativo' na prova, gostei do que estava acontecendo no meu corpo. Peguei gosto por treinar, peguei gosto por uma alimentação saudável, e decidi continuar."

"Na infância e na adolescência não sofri bullying relacionado ao meu corpo porque eu pesava 60, 65 quilos. Fui engordar depois que casei, depois da minha primeira gestação. Quando casei, pesava 65 quilos. Quando tive meu primeiro filho, estava pesando 110 quilos e, depois de um ano, cheguei aos 130 quilos", relata.

1 milhão de visualizações

Em novembro de 2020, há pouco mais de um ano, Carol, que ainda não trabalhava como influenciadora, mantinha uma conta pessoal no Instagram onde compartilhava o dia a dia com amigos e familiares. E foi com esse público restrito, de pouco mais de mil pessoas, que ela dividiu uma de suas maiores conquistas: seu antes e depois.

O que ela não imaginava é que o vídeo de apenas 14 segundos iria tocar tanta gente.

Em pouco mais de uma semana a publicação atingiu mais de 1 milhão de visualizações e o número de seguidores de Carol começou a se multiplicar —hoje são quase 30 mil. "Como muita gente chegou a partir desse vídeo, comecei a compartilhar mais meu processo de emagrecimento, minha alimentação, minhas rotinas de treino e mais fotos do meu antes e depois. Até então eu não postava essas fotos."

Pressão sobre o corpo feminino

"Eu emagreci 45 quilos. Meu corpo tem sinais da perda de peso. Emagreci, mas não fiz cirurgia plástica e nenhum procedimento estético. Tenho flacidez na barriga, na parte interna das coxas, no braço. Tenho estria, tenho marcas. E quando coloco uma roupa que deixa minhas estrias à mostra, as pessoas olham. Não comentam, mas olham."

Independentemente do corpo gordo ou magro, a mulher sempre vai sofrer algum tipo de pressão. Quando eu era gorda, sofria essa pressão estética, só que eu não tinha essa percepção.

"Achava que eu não gostava de usar shorts e saias por não gostar, por uma coisa minha. Mas não, não gostava porque eu recebia comentários. E quando emagreci, quando cheguei aos 85 quilos, sofri essa pressão. No Instagram, algumas das perguntas que mais me fazem é se penso em tirar pele, se penso em operar, em fazer lipo. Sempre é uma pressão diferente", alerta Carol.