PUBLICIDADE

Topo

Maqui Nóbrega

Musa sem defeitos? A mulher inspiradora do seu feed erra tanto quanto você

Obras de arte podem ser perfeitas. Mulheres reais não.  - Reprodução
Obras de arte podem ser perfeitas. Mulheres reais não. Imagem: Reprodução
Maqui Nóbrega

Maqui Nóbrega é designer, produtora de conteúdo para internet, feminista, gorda, um pouco chata, bastante legal e nada romântica.

Colunista do UOL

17/11/2020 04h00

Eu detesto quando me elogiam com a palavra "perfeita". Eu não me lembro bem quando essa mania começou na internet, não faz muito tempo, e no começo eu até me sentia levemente lisonjeada, mas hoje eu acho um saco. Quando adicionam "sem defeitos" então, eu quero morrer. Jamais em toda minha vida eu quis passar a imagem de que sou perfeita. Aliás, muito pelo contrário!

As deusas que me livrem de ser perfeita, eu tô fora! Como é que a gente repete o clichê "ninguém é perfeito" e depois sai chamando outras pessoas de perfeitas? Eu sei, eu sei, a intenção é boa, mas quando você bota uma mulher no lugar de deusa intocável, você praticamente a transforma em uma não-humana, em um robô, um androide. Você "tira" dela um direito importantíssimo: o de errar!

Não, nenhuma mulher é perfeita, nunca errou, sem defeitos. NENHUMA. Nem a influenciadora que você mais admira, nem a política que você acabou de eleger. A gente precisa ter e se dar o espaço da tentativa e erro. Errar é tão importante na vida, gente. Clichezaço dizer isso, tô ligada, mas errar é tão importante quanto acertar!

Ninguém deveria viver na busca pela perfeição em si mesmo e muito menos nos outros. A perfeição, "ela no ecziste!" Freud já dizia (beijo, Freud), que a projeção é um mecanismo de defesa psicológico em que a pessoa projeta no outro seus pensamentos, desejos, suas motivações, vontades... Então, o que você espera de uma mulher que você botou nesse pedestal, diz muito mais sobre você do que sobre ela. Eu iria até mais longe e ousaria dizer que não diz NADA sobre ela!

É claro que a gente geralmente admira alguém por identificação, então sim, podem rolar decepções, mas mesmo elas fazem parte dessa maravilhosa experiência que é se relacionar com outros humanos! E eu não vou ser hipócrita e dizer que "ai, todos os erros são perdoáveis". Não! Tem cagada que eu não tolero também. Mas esperar dos outros o que eu espero de mim é uma armadilha na qual eu não caio mais não! E se eu puder te dar um conselho: fuja dessa armadilha também.

Na próxima vez que você quiser enaltecer uma mulher, tenta outro adjetivo! Vamos deixar o "perfeita" para coisas. Obras de arte podem ser perfeitas, uma comida ou uma música também, de repente até uma viagem. Mas pessoas nunca serão. E você nem devia querer que elas fossem, porque senão, você teria que ser também. Imagina que chatice?

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL.