Conheça simpatias simples e poderosas para separar casal

Por Nicole D'Almeida

Simpatias para separar casais são controversas, envolvendo polêmicas e consequências. Especialistas alertam sobre os aspectos negativos desses rituais.

bymuratdeniz/ iStock

Cristiane e Tata Douglas do Templo de Magia Caminhos da Noite definem simpatias como rituais básicos que visam fortalecer intenções por meio de elementos simples.

ThitareeSarmkasat/iStock

A mística Kélida Marques destaca que simpatias podem ser úteis em situações mais fáceis, mas situações complexas demandam magias mais poderosas.

Foto de Anete Lusina/Pexels

Marques adverte que simpatias de separação podem gerar retaliações, exigindo cuidado e orientação de um experiente Bruxo ou Mago.

Ridofranz/ iStock

Simpatia do Sal Grosso: Utilize água, sal grosso e um papel com o nome do casal, visualizando o fim do relacionamento. Após 24 horas, descarte o conteúdo, simbolizando o início de um novo ciclo.

limpido/Getty Images/iStockphoto

Simpatia do Vinagre: Despeje vinagre em um recipiente com o nome do casal por sete dias. Após esse período, descarte o papel, visualizando o término do relacionamento.

iStock

Simpatias simples podem ser feitas por qualquer pessoa, seguindo corretamente as orientações e aguardando 13 luas cheias. Em caso de insucesso, buscar ajuda especializada.

Getty Images

Não há um momento específico, mas Marques sugere lua cheia ou minguante, entre 0h e 3h das sextas-feiras.

Getty Images

Marques enfatiza que uma simpatia não substitui uma magia, aconselhando tentar apenas uma vez e procurar ajuda especializada se necessário.

Elena Mozhvilo/Unsplash

Cristiane e Tata Douglas afirmam que as simpatias podem ser revertidas com a ajuda de um sacerdote espiritual capacitado ou mago.

iStock

Juliano Ferrari, magista, destaca que simpatias de separação interferem na verdadeira vontade, podendo ter consequências negativas.

Getty Images

Ao realizar uma simpatia, é crucial ter consciência de possíveis efeitos negativos e estar preparado para enfrentar as consequências.

martin-dm/ iStock

Para mais informações, acesse Universa.

PeopleImages/iStock
Publicado em 05 de janeiro de 2024.