PUBLICIDADE
Topo

Foguete que lançará Soyuz-MS12 é instalado em base do Cazaquistão

12/03/2019 18h39

Moscou, 12 mar (EFE).- O foguete Soyuz FG, que leva a nave especial Soyuz MS-12, foi instalado nesta terça-feira na plataforma de lançamento da base de Baikonur, no Cazaquistão, de onde o cosmonauta russo Alexei Ovchinin e os astronautas americanos Christina Koch e Nick Hague partirão daqui dois dias rumo à Estação Espacial Internacional (EEI).

Segundo o Centro para a Operação da Infraestrutura Espacial na Terra (TsENKI), o foguete foi retirado da fábrica de montagem e colocado no complexo de lançamento número 1, onde Yuri Gagarin foi lançado para se tornar o primeiro homem a ir ao espaço.

A Soyuz MS-12 será lançada às 19h14 GMT (16h14 em Brasília) de quinta-feira a partir da base de Baikonur. O voo será feito seguindo o chamado "método curto", com a nave efetuando quatro voltas ao redor da Terra para seis horas depois se acoplar à EEI.

Os três tripulantes ainda terão que esperar duas horas para que as comportas entre a nave e a estação sejam abertas.

Este será o terceiro voo de Ovchini ao espaço. Hague já percorreu o caminho uma vez, e Koch faz sua primeira viagem à EEI.

Os três encontrarão a americana Anne McClain, o canadense David Saint-Jacques e o russo Oleg Kononeko, atual comandante da estação, que estão no local desde o início de dezembro do ano passado.

A equipe continuará realizando experimentos em áreas como biologia, biotecnologia, física e ciências da Terra.

McClain, Saint-Jacques, Hague e Koch realizarão, além disso, as primeiras caminhadas espaciais de suas carreiras, com o objetivo de seguir melhorando a estação orbital, segundo a Nasa.

Entre as melhorias que serão implementadas estão um reforço do sistema energético e a instalação de um hardware para um futuro programa científico que será realizado na estação. EFE