PUBLICIDADE
Topo

Caxemira indiana experimenta noite mais fria desde 1990

27/12/2018 06h48

Nova Délhi, 27 dez (EFE).- A cidade de Srinagar, capital de verão da Caxemira indiana, experimenta um dos invernos mais frios dos últimos 30 anos, com noites com -7,6 graus centígrados, informou hoje o escritório meteorológico local.

A baixa temperatura registrada ontem à noite em Srinagar a torna a mais fria da temporada desde o dia 7 de dezembro de 1990, quando a mínima foi -8,8 graus centígrados na cidade, informou o Departamento de Meteorologia.

De acordo com os dados do serviço meteorológico, a cidade indiana não conseguiu superar a máxima de -3,5 graus nas últimas 24 horas, e se prevê uma noite ainda mais fria de -8,0 graus para hoje.

O povoado de Pahalgam, no centro de Caxemira, registrou a mínima de -8,3 graus centígrados na noite passada, e a temperatura mínima em Gulmarg foi -9,0 graus.

A cidade de Leh na região de Ladakh, uma das mais frias do estado, registrou -8,4, e o Departamento de Meteorologia da Índia prevê uma mínima de entre -16,0 e -18,0 graus para os próximos três dias.

As temperaturas muito abaixo do ponto de congelamento deixaram riachos e lagos congelados parcialmente durante os últimos dias, assim como torneiras e encanamentos do serviço de distribuição de água, segundo a imprensa local.

A Caxemira experimenta uma temporada conhecida como o "Chillai Kalan", um período de aproximadamente um mês e meio particularmente frio que começa em meados do mês de dezembro com o solstício de inverno.

O inverno, embora seja breve, pode chegar a ser muito frio nas regiões mais ao norte do país, incluindo a capital, Nova Délhi, que durante as últimas semanas manteve mínimas que rondam os 3 graus. EFE