PUBLICIDADE
Topo

Huawei Nova 5T: celular é rápido e com boas câmeras, mas é difícil de achar

Bruna Souza Cruz

De Tilt, em São Paulo

02/09/2020 04h00

A Huawei investiu grande nos top de linha com o P30 Pro, modelo do ano passado com uma câmera tão potente que era capaz de tirar foto até da Lua. Ele também marcou a volta da fabricante chinesa ao Brasil. Para este ano, a novidade foi o Nova 5T, um smartphone intermediário premium que ganha destaque por ter características parecidas com as do primo mais velho.

O modelo chegou ao país em abril deste ano e foi pensado para atrair um público jovem e que gosta de games. Testei o Nova 5T por pouco mais de uma semana e as vantagens vão para as cinco câmeras com inteligência artificial e o fato de trabalhar com o mesmo processador do P30 Pro (Kirin 980 octa-core).

Mesmo com a crise envolvendo as sanções dos Estados Unidos contra a Huawei, que incluem a proibição de negócios com o Google, o Nova 5T funciona com os recursos do Android. Sim, o celular conta com a Google Play e aplicativos como YouTube e Gmail. Segundo a empresa, isso foi possível porque seus componentes foram lançados antes do embargo norte-americano.

Analisando os pontos negativos, o Nova 5T falha ao não ter proteção contra água e não permitir expansão da memória de armazenamento. A falta de variedade de pontos de vendas (físicos e virtuais) dos smartphones comercializados pela empresa (P30, P30 Pro e Nova 5T) também é outro desafio.

É bom lembrar que a empresa está há cerca de um ano no Brasil e ainda tem dificuldades para engrenar no mercado nacional. A fabricante não conseguiu alcançar nem 0,01% de participação por aqui no primeiro trimestre de 2020.


Huawei

Huawei Nova 5T

Preço

R$ 2.999 (lançamento) R$ 2.652,44 (atual)
TILT
3,8 /5
USUÁRIOS
3,5 /5
ENTENDA AS NOTAS DA REDAÇÃO

A tela é honesta, mas não traz uma tecnologia tão avançada pela faixa de preço

Não é imersivo e a saída de som pode ser facilmente abafada pelo dedo

Conjunto versátil

Mesmo processador do top de linha Huawei P30 Pro

Pontos Positivos

  • Conjunto de câmeras versátil
  • Processador rápido

Pontos Negativos

  • Sem opção de armazenamento expansível
  • Falta proteção contra água
  • Poucos pontos de venda para comprá-lo

Veredito

É um ótimo celular para que deseja um aparelho com processamento rápido e que não trave. Quem gosta de tirar foto também vai conseguir bons resultados com o modelo. Mas peca pela ausência de configurações já comuns em celulares dentro da categoria intermediário premium. A falta de variedade de postos de venda também pode dificultar a busca por ofertas do modelo.

O aparelho tem lá seu charme. Achei confortável de segurar e não é pesado. Na traseira, tem um acabamento espelhado que dá ao celular um ar sofisticado (e marcas de dedo também). Já as câmeras ficam posicionadas no canto superior esquerdo e não são nada discretas.

Huawei  Nova 5T - quatro câmeras na parte de trás do celular - UOL - UOL
Celular possui quatro câmeras na parte de trás
Imagem: UOL

Fugindo do padrão, o sensor biométrico fica na lateral. Parece realmente algo ultrapassado em tempos de desbloqueios diretamente na tela. Mas até que achei confortável de usar. Além disso, a tecnologia é muito precisa. Encostou, destravou.

A entrada de fone de ouvido é USB-C —a mesma usada para o recarregamento da bateria. A saída de som fica na parte de baixo, logo ao lado. Por isso é preciso cuidado para não abafar o som durante o manuseio do aparelho.

Huawei  Nova 5T - entrada USB-C, serve para fone de ouvido e cabo do carregador da bateria - UOL - UOL
Entrada USB-C serve para o fone de ouvido e para recarregar a bateria
Imagem: UOL

A tela do modelo possui 6,26 polegadas (cerca de 15,9 cm) e é LCD com resolução Full HD+, de 2.340 ×1.080 pixels. Não traz uma tecnologia das mais avançadas —as telas Amoled são melhores que as LCD em contraste— mas é honesta. A menos que você seja um fanático por telas de ponta, a do Nova 5T tem boa qualidade para assistir filmes, séries, jogar e ler.

Huawei  Nova 5T - frente do celular - UOL - UOL
Tela tem 6,26 polegadas
Imagem: UOL

Talvez você tenha um pouco de dificuldade com o brilho em ambientes com muita exposição de luz, como dias ensolarados. Se isso acontecer, você pode alterar as configurações (no recurso Temperatura da Cor) e deixar os tons mais confortáveis para os seus olhos.

O sistema de câmeras do Huawei Nova 5T é bem interessante. O aparelho trabalha com cinco sensores: quatro na parte de trás e um na frente. A função de inteligência artificial dá uma força no processamento das imagens, fazendo correções como eliminação de ruído, exposição prolongada e estabilização para fotos noturnas.

Além disso, o modelo tem a função de reconhecimento de objetos e buscas associadas a ele. Você pode, por exemplo, posicionar um vaso de flor em frente às câmeras e ativar o recurso. Em segundos, o celular faz uma pesquisa na internet e exibe resultados com base na imagem.

Huawei  Nova 5T - parte de trás do celular - UOL - UOL
Traseira do Nova 5T
Imagem: UOL

A câmera principal tem 48 MP e produz fotos boas em condições diferentes de luminosidade. A segunda é uma lente que serve para tirar fotos com um ângulo maior e tem 16 MP.

As outras duas lentes traseiras têm 2 MP cada. Uma serve para ajudar a obter o efeito de profundidade, o famoso desfoque de fundo. A outra é um sensor macro voltado para capturar detalhes menores, como focar em objetos pequenos, por exemplo.

A versatilidade das câmeras, além dos recursos de software oferecidos (como o modo profissional que permite fazer alterações nas configurações padrão), devem agradar bastante quem curte fotografia.

Gostei do resultado com as fotos tiradas em ambientes com luz natural. As imagens tiveram um bom equilíbrio de cor e de brilho. O celular tende a deixar as fotos mais saturadas, com cores mais intensas, mas eu particularmente gosto.

Huawei  Nova 5T- foto tirada com a câmera principal - UOL - UOL
Foto tirada com a câmera principal em ambiente com luz natural
Imagem: UOL
Huawei  Nova 5T- foto tirada com a câmera principal - UOL - UOL
Foto tirada com a câmera principal, que produz fotos com até 48 MP
Imagem: UOL
Huawei  Nova 5T- foto tirada com a câmera ultrawide de 16 MP, que amplia o campo de visão - UOL - UOL
Foto tirada com a câmera ultrawide de 16 MP, que amplia o campo de visão
Imagem: UOL
Huawei  Nova 5T- foto tirada com ângulo fechado - UOL - UOL
Foto tirada com ângulo fechado
Imagem: UOL

Huawei  Nova 5T- foto tirada com a câmera principal - UOL - UOL
Foto tirada com a câmera principal em ambiente com luz artificial
Imagem: UOL


O aparelho conta com um modo noturno e os resultados também são bacanas. Você consegue obter detalhes que não conseguiria sem o recurso.

Huawei  Nova 5T- foto tirada com a câmera principal com modo noturno ativado - UOL - UOL
Foto noturna
Imagem: UOL

Já a câmera frontal tem 32 MP e faz fotos dentro da média. O aparelho também usa a inteligência artificial para ajudar no processamento das imagens na hora da selfie. Ao acessar as configurações, você pode definir a captura de fotos por gestos e sorrisos.

Huawei  Nova 5T- selfie sem recurso de inteligência artificial ativado - UOL - UOL
Selfie sem o recurso de inteligência artificial ativado
Imagem: UOL
Huawei  Nova 5T- selfie com recurso de inteligência artificial ativado - UOL - UOL
Selfie com recurso de inteligência artificial ativado
Imagem: UOL

Outro ponto positivo é o desempenho do Nova 5T. A Huawei combinou o Kirin 980, mesmo processador do P30 Pro de 2019, a uma memória RAM de 8 GB, valor alto para os padrões atuais.

Não tive problemas com travamentos e engasgos. Sinto que ele tem potencial para atender as expectativas da maioria dos usuários, desde os mais básicos até os gamers.

Aliás, para quem tem o costume de jogar pelo celular, a Huawei destaca que o aparelho trabalha com uma tecnologia de aceleração de processamento gráfico que integra software e hardware. Esse conjunto ajuda a reduzir latência de imagens dos jogos, melhorando a performance.

O celular da Huawei vem com uma bateria com 3.750 mAh e vem com carregador rápido. Em 30 minutos de recarga, consegui 55% de bateria. A recarga completa dura cerca de 1h30. Superútil para situações de urgência.

Por causa da quarentena, não pude explorar a bateria tanto quanto gostaria. De qualquer forma, é um celular que provavelmente dure até o final do dia se você fizer um uso mais corriqueiro.

Em um dos testes, coloquei o celular para rodar três horas seguidas de vídeo, joguei por 1h (em horários espaçados), ouvi música e acessei internet e redes sociais. E a bateria aguentou firme até a noite.

O Nova 5T começou a ser vendido por R$ 2.999. Hoje é possível encontrá-lo por cerca de R$ 2.650 à vista. Ele tem um conjunto honesto, boas câmeras e desempenho excelente, mas falha em alguns aspectos, como a falta de proteção contra água e incapacidade de expandir sua memória interna. Ele trabalha com 128 GB de armazenamento e é isso o que você terá. Não é pouca coisa, mas a falta de um slot para cartão microSD não deixa de ser uma limitação.

Analisando o contexto da Huawei no Brasil, não se pode esquecer que a empresa trabalha com poucos pontos de vendas, o que dificulta a oferta de preços mais competitivos e potenciais promoções.

Pensando na faixa de preço do Nova 5T, é possível encontrar modelos top de linha do ano passado por valores parecidos, como o Samsung Galaxy S10 (a partir de R$ 2.799). Então, fica a dica para você pensar o que é mais vantajoso para você.

Especificações técnicas
  • Sistema Operacional

  • EMUI 9.1 (baseado no Android 9)

  • Dimensões

  • 154,25 x 73,97 x 7,87 mm / 174 g

  • Resistência à água

  • Não

  • Cor

  • Preto ou azul

  • Preço

  • R$ 2.652 (atual)

Tela
  • Tipo

  • LCD

  • Tamanho

  • 6,26 polegadas

  • Resolução

  • Full HD+ (2.340 x 1.080)

Câmera
  • Câmera Frontal

  • 32 MP

  • Câmera Traseira

  • 48 MP (wide), 16 MP (ultrawide), 2 MP (macro) e 2 MP (profundidade)

Dados técnicos
  • Processador

  • Kirin 980 octa-core (2,6 GHz)

  • Armazenamento

  • 128 GB

  • Memória

  • 6 GB ou 8 GB

  • Bateria

  • 3.750 mAh