PUBLICIDADE
Topo

EXCLUSIVO-Foxconn negocia parceria com vietnamita VinFast para carros autônomos

19/03/2021 14h59

TAIPEI/HANÓI (Reuters) - A Foxconn está em negociações iniciais com a montadora vietnamita VinFast sobre uma parceria em veículos elétricos, disseram à Reuters duas fontes familiarizadas com o assunto.

A Foxconn propôs comprar as linhas de produção de elétricos da VinFast, disseram as fontes sob condição de anonimato.

A VinFast, unidade do maior conglomerado do Vietnã, Vingroup, prefere uma parceria, pois está ansiosa para se tornar uma montadora ecológica e quer manter seu negócio de elétricos, disse uma das fontes.

A Foxconn não quis comentar. Um porta-voz do Vingroup disse que a empresa não tem informações sobre o assunto para fornecer.

A fornecedora da Apple traçou planos para se tornar um grande fornecedor de peças e serviços no mercado de carros elétricos e qualquer acordo com VinFast seguirá acordos com Fiat Chrysler e startups de elétricos.

O movimento pode oferecer à Apple e a outros participantes não tradicionais um atalho para competir no mercado de veículos.

A VinFast se tornou a primeira fabricante vietnamita de automóveis, quando seus primeiros modelos movidos a gasolina construídos sob seu próprio emblema chegaram às ruas em 2019.

A empresa vendeu cerca de 30 mil veículos no ano passado e tem previsão de vender mais de 45 mil em 2021. Ela começará a entregar veículos elétricos no país em dezembro.

A VinFast, que também produz motocicletas e ônibus elétricos, disse neste mês que montou um empreendimento de baterias para veículos elétricos com a ProLogium, de Taiwan.

Buscando fornecer componentes para 10% dos veículos elétricos do mundo em 2025, a Foxconn agiu rápido para fechar uma série de negócios. Um dos maiores é um acordo com a Zhejiang Geely para fornecer a outras montadoras.

Ela também trabalhará com a startup americana Fisker para produzir mais de 250 mil veículos por ano a partir de 2023 e começará a montar SUVs para a chinesa Byton no ano que vem. Com a Fiat Chrysler, vai desenvolver veículos elétricos e carros conectados à internet.

(Reportagem da redação em Taipei e Phuong Nguyen)