PUBLICIDADE
Topo

Presidentes de Twitter e Facebook falam no Congresso dos EUA sobre moderação de conteúdo

Getty Images
Imagem: Getty Images

Nandita Bose

Da Reuters, em Washington

17/11/2020 10h29

Os presidentes-executivos do Facebook e do Twitter devem depor em uma audiência no Congresso dos Estados Unidos nesta terça-feira que explorará as práticas de moderação de conteúdo das redes sociais.

Em outubro, parlamentares republicanos no Comitê Judiciário do Senado dos Estados Unidos votaram unanimemente pela aprovação da convocação formal de Mark Zuckerberg, do Facebook, e Jack Dorsey, do Twitter. Os democratas do painel não votaram.

As intimações foram aprovadas logo após as plataformas de mídia social decidirem bloquear reportagens do New York Post que faziam alegações sobre o filho do então candidato presidencial democrata Joe Biden.

Irritados com a decisão das empresas sobre o que manter em suas plataformas e o que retirar, muitos parlamentares republicanos e o presidente Donald Trump ameaçaram suspender as proteções para empresas de internet previstas na lei federal chamada Seção 230 do Communications Decency Act. A lei protege as empresas de serem processadas por conteúdo publicado pelos usuários em suas plataformas.

Biden, agora presidente eleito, também disse ser favorável à revogação da seção 230. Os democratas do Congresso, no entanto, preferem uma abordagem mais deliberada para reformular a lei.