PUBLICIDADE
Topo

Coronavírus atinge telefones e TVs, e Samsung sinaliza queda no lucro do 2° tri

Logo da Samsung em fábrica da empresa - JORGE DUENES
Logo da Samsung em fábrica da empresa Imagem: JORGE DUENES

29/04/2020 13h30

A Samsung disse nesta quarta-feira que espera um declínio no lucro no trimestre atual, devido a uma queda nas vendas de smartphones e TVs por causa do coronavírus, embora a unidade de chips permanecerá sólida.

A empresa afirmou que, embora encomendas ligadas a trabalho remoto e o crescimento da educação à distância sustentem a demanda por chips de memória, as projeções para smartphones e TVs são sombrias, com clientes adiando gastos não essenciais.

"Mesmo que essas incertezas persistam, as condições gerais do setor de memória provavelmente serão favoráveis devido à demanda de servidores e computadores", disse Han Jin-man, vice-presidente sênior de chips da Samsung, em teleconferência.

Por outro lado, a Samsung espera que seus lucros com celulares e TV "diminuam significativamente" no segundo trimestre, com os consumidores controlando os gastos com itens não essenciais, além de lojas e fábricas fechadas.

A maior fabricante mundial de chips de memória e smartphones disse que o lucro operacional aumentou 3%, para 6,4 trilhões de won (5,2 bilhões de dólares) no primeiro trimestre, impulsionado pela sólida demanda por chips e menores gastos com marketing.

Os negócios de chips da Samsung tiveram lucro operacional de 3,99 trilhões de won, queda de 3% em relação ao ano anterior. Já a divisão móvel registrou lucro operacional de 2,65 trilhões de won, 17% a mais que no ano anterior.

A divisão de displays viu o prejuízo de 290 bilhões de won do ano anterior ser reduzido pela metade, apesar da queda nas vendas de telefones na China, graças a uma recuperação nos preços das telas de TV devido a interrupções no fornecimento.