Topo

Astrônomos acham duas novas 'superterras' próximas ao Sistema Solar

Apesar de serem parecidos com a Terra, planetas são considerados inabitáveis por causa das altas temperaturas Imagem: Divulgação/Pat Brennan/NASA's Exoplanet Exploration Program

Do UOL, em São Paulo

22/06/2022 04h00Atualizada em 22/06/2022 13h06

Um telescópio da Nasa identificou dois planetas rochosos orbitando a mesma estrela e que estão próximos da Terra, segundo o tabloide britânico Daily Star. Os astrônomos alegam que ambos os planetas, localizados a apenas 33 anos-luz de distância, são maiores que o nosso planeta.

Os planetas orbitam uma estrela anã vermelha e foram nomeados de HD 260655 b e HD 260655 c. Eles são chamados de "superterras" por serem terrestres como o nosso planeta, porém maiores. O planeta "b" é 1,2 vezes maior que a Terra e possui temperatura estimada de 435ºC, já o "c" é 1,5 vezes maior e tem uma temperatura que pode chegar aos 284ºC.

Michelle Kunimoto, do Instituto Kavli de Astrofísica e Pesquisa Espacial do MIT, destacou que ambos os planetas são ideais para estudos mais aprofundados. "Ambos os planetas neste sistema são considerados entre os melhores alvos para o estudo atmosférico devido ao brilho de sua estrela. Existe uma atmosfera rica em voláteis ao redor desses planetas? E há sinais de água ou espécies baseadas em carbono?".

Michelle considera que os planetas são "fantásticos" para explorações. "Esses planetas são fantásticos bancos de teste para essas explorações. Cada planeta que orbita uma estrela terá uma pequena atração gravitacional sobre sua estrela", disse ele.

"O que estamos procurando é qualquer movimento leve dessa estrela que possa indicar que um objeto de massa planetária está puxando-a", concluiu.

Comunicar erro

Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Astrônomos acham duas novas 'superterras' próximas ao Sistema Solar - UOL

Obs: Link e título da página são enviados automaticamente ao UOL


Astronomia