Topo

TV


Avanço tímido em meio à crise: o que esperar das TVs do futuro?

TV Sony Bravia A95K 4K combina tecnologia de pontos quânticos e Oled Imagem: Divulgação

Guilherme Tagiaroli

De Tilt, em São Paulo

11/01/2022 17h25

Durante a CES 2022, a maior feira de tecnologia do mundo, as principais marcas mostraram o que esperar da próxima geração de TVs. Além de uma nova tecnologia de tela, temos empresas concentradas em proporcionar videochamada direto na TV (seja com uma câmera vendida separadamente ou já acoplada) e uma crescente preocupação de compatibilidade com serviços de jogos na nuvem.

Abaixo, você acompanha as principais novidades de TV apresentadas durante o evento de Las Vegas, que terminou neste sábado (8):

Sony: nova tecnologia de tela e compatibilidade com câmera

Modelo Sony Bravia A95K 4K conta com uma base dobrável, que pode ser posicionada para frente ou para trás, como na imagem Imagem: Divulgação

A Sony não vende mais TVs no Brasil. No entanto, a empresa japonesa exibiu um dos destaques da CES 2022, a TV Sony A95K 4K, com opções de 55'' e 65''. O seu grande diferencial é a tecnologia da tela chamada de QD-OLED, que combina pontos quânticos com Oled.

De forma simplificada, uma TV Qled significa que ela tem pequenos pontos quânticos entre o painel LCD e a luz de fundo Led. Já as Oled contam com pixels que se autoiluminam.

No caso da Sony, há um fundo Oled com uma camada de pontos quânticos. Na prática, isso proporciona um ótimo contraste (onde for preto em uma imagem, não há luz por trás, pois os pixels estão apagados), e um melhor ajuste de cores e brilho, proporcionado pelos pontos quânticos.

O curioso é que o painel usado na TV da Sony foi produzido pela Samsung. Então, em breve, pode ser que a empresa sul-coreana apresente algum modelo com a mesma tecnologia.

Fora isso, a Sony anunciou a Bravia Cam, uma câmera acoplada às suas TVs que auxilia em videochamadas e no ajuste de imagem e som conforme o ambiente. Sem contar que os modelos são compatíveis com PlayStation 5.

Sony apresentou na CES 2022 a Bravia Cam, uma câmera para ser acomplada na parte superior da TV Imagem: Divulgação

LG: nova evolução de TVs Oled e funções para gamers

Modelo de TV Oled G2, da LG, apresentada durante a CES 2022 Imagem: Divulgação

A LG anunciou duas novas séries de TVs com a tecnologia Oled Evo 4K, a C2 e G2. Na prática, a marca utiliza o nome "Evo" para designar seus modelos topo de linha.

Em comum, elas têm o processador Alpha 9 de 5ª geração. Basicamente, ele auxilia no upscalling, que é melhoria da qualidade de imagem por meio de inteligência artificial.

O modelo G2, o mais sofisticado, vem com uma tecnologia chamada Brightness Booster, que como o nome sugere, aumenta o brilho. No entanto, a companhia diz que com a ajuda de seu processador, há um melhor controle de dissipação de calor, fazendo com que a TV não esquente tanto.

A companhia mostrou ainda sua Oled 8K, o modelo Z2 de 88 polegadas.

Um dos grandes trunfos dele é ser compatível com placas de vídeo GeForce RTX 30, da Nvidia — o que deve atrair o público gamer, já que os jogos mais sofisticados rodam com a ajuda desta placa de vídeo.

Modelo de TV LG Oled Z2 8K Imagem: Divulgação

Todos os modelos Oled terão compatibilidade com plataformas de jogo na nuvem, como GeForce Now e Google Stadia

Ainda não há previsão para as novas TVs chegaram ao mercado brasileiro.

Samsung: suporte a jogos na nuvem, NFT e um novo controle

TV MicroLed, da Samsung, apresentada durante a CES 2022 Imagem: Divulgação

Além do projetor Freestyle, a Samsung apresentou novos modelos de suas TVs MicroLed (que agora tem opções de 89'', 101'' e 110''). Outra novidade é o modo arte, que possibilita a exibição de obras de arte na TV, o multi view, possibilitando exibir imagens de quatro fontes distintas, e o suporte à tecnologia de som Dolby Atmos, que promete uma experiência mais imersiva.

Já os novos modelos Neo QLED contam com um novo processador. Segundo a empresa, ele possibilita imagens com maior brilho e maior controle de luz, possibilitando níveis de preto mais puros.

A marca sul-coreana também mostrou sua nova interface, com gerenciamento de NFTs e sistemas de jogos nas nuvens, como o GeForce Now, da Nvidia, e Stadia, do Google.

O modo EyeComfort das NEO Qled promete ajustar a TV automaticamente, baseado no nível de claridade do ambiente. Durante a noite, o sistema reduz as luzes de tom azul para não afetar o sono.

Se no ano passado a Samsung inovou ao mostrar um controle com uma célula solar, dispensando o uso de pilhas, neste ano a fabricante sul-coreana mostrou uma nova versão do seu Eco Remote.

Controle remoto Eco Remote, da Samsung, não precisa de pilhas Imagem: Divulgação

Além de ser recarregado com a luz, ele transforma sinal do roteador e converte para energia. A empresa não detalhou quais modelos virão com este novo controle, mas espera-se que boa parte das TVs lançadas neste ano já tenha o novo acessório.

TCL: MiniLed gigante bem fina

TV TCL X925 Pro 8K; modelo inclusive já vem com câmera para videochamadas Imagem: Divulgação

A TCL apresentou na feira sua TV MiniLed X925pro 8K de 85 polegadas que tem apenas 3,9 milímetros de espessura.

Geralmente, TVs Oled são finas dessa forma. No entanto, a companhia diz que seu modelo MiniLed tem distância óptica zero (do inglês, OD-Zero). Isso quer dizer que o "espaço" é zero entre a luz de fundo e a tela. Além de um design mais fino, há também ganho em qualidade de imagem.

A tela combina iluminação de MiniLeds com uma camada de pontos quânticos, conferindo uma melhor definição de cores ao display.

A taxa de atualização da X925pro, que é o modelo mais avançado da marca, é de 120 Hz, porém a marca promete trazer ao mercado televisores com taxa de atualização de 144 Hz — uma boa adição para quem quer ver gráficos mais fluídos e realistas em games.

A companhia continua apostando em modelos tanto com o sistema Google TV como Roku TV. Não há previsão para os modelos chegarem ao mercado brasileiro.

Comunicar erro

Comunique à Redação erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Avanço tímido em meio à crise: o que esperar das TVs do futuro? - UOL

Obs: Link e título da página são enviados automaticamente ao UOL


TV