PUBLICIDADE
Topo

Imagem mais detalhada da galáxia Andrômeda é capturada pela 1º vez; veja

Ilustração da galáxia de Andrômeda; usando novas técnicas, pesquisadores fizeram imagem mais moderna já vista - Divulgação/Adam Evans/Wikimedia Commons
Ilustração da galáxia de Andrômeda; usando novas técnicas, pesquisadores fizeram imagem mais moderna já vista Imagem: Divulgação/Adam Evans/Wikimedia Commons

Colaboração para Tilt, em São Paulo

02/08/2021 14h56Atualizada em 02/08/2021 19h34

Astrônomos conseguiram capturar a imagem de rádio mais detalhada até os dias de hoje da galáxia Andrômeda, o objeto mais distante da Terra já registrado no céu. Ela foi capturada pelo Radiotelescópio da Sardenha, segundo o site especializado em ciência Tech Explorist.

Localizada a 2,5 milhões de anos-luz do nosso planeta, Andrômeda é vizinha da nossa galáxia, a Via Láctea, e para estudar regiões específicas onde as estrelas nascem em Andrômeda, os cientistas fotografaram o sistema estelar na frequência de micro-ondas de 6,6 GHz.

"Esta imagem nos permitirá estudar a estrutura da Andrômeda e seu conteúdo com mais detalhes do que era possível. Compreender a natureza dos processos físicos que ocorrem dentro da Andrômeda nos permitirá entender o que acontece em nossa galáxia mais claramente, como se estivéssemos olhando para nós mesmos a partir de fora", explicou a física Sofia Fatigoni, da Universidade da Colúmbia Britânica, em comunicado à imprensa estrangeira.

Utilizando a nova imagem, os pesquisadores foram capazes de identificar o possível local de nascimento das estrelas, que ocorre dentro do 'disco' da galáxia. Além disso, um mapa criado a partir da foto obtida indicou 100 objetos distintos presentes em Andrômeda, como estrelas e corpos ainda não identificados.