PUBLICIDADE
Topo

LG traz evolução de TVs Oled ao Brasil e modelo gamer partindo de R$ 8 mil

LG apresenta novas série de TVs OLED 2021 no mercado brasileiro - Divulgação
LG apresenta novas série de TVs OLED 2021 no mercado brasileiro Imagem: Divulgação

Guilherme Tagiaroli

De Tilt, em São Paulo

23/06/2021 14h59

Tem TVs novas da LG no mercado brasileiro. A empresa sul-coreana anunciou nesta quarta-feira (23) sua nova linha de televisores Oled, que contam com recursos extra para o público gamer e com mais brilho, além de modelos QNED, uma nova tecnologia que usa mini-Led para oferecer maior volume de cor e nitidez.

A nova linha de Oleds, de pixels (pontinhos que juntos formam a imagem) que se autoiluminam, tem preços que partem de R$ 8 mil (48 polegadas) com resolução 4K, já disponíveis no varejo. Já as Qneds chegam em tamanhos maiores: com opções 4K (a partir de R$ 18 mil) e 8K (a partir de R$ 35 mil). Elas devem chegar às lojas em breve, segundo a marca.

Em comum, todas elas são compatíveis com Alexa, Google Assistente e Apple Kit — então, será possível controlar itens da sua casa conectada pela sua TV. Há ainda suporte ao Airplay 2, o que possibilita transmitir facilmente conteúdos do seu iPhone ou iPad para a televisão.

Oleds

O grande diferencial de TVs Oled é que elas têm diodos que são capazes de emitir luz própria — não há um painel de luz grande na traseira da TV como as TVs LED convencionais. Na prática, a tecnologia Oled consegue um melhor controle de iluminação (tons escuros ficam pretos mesmo, pois as "luzinhas" estão apagadas), maior contraste e um controle de cor mais preciso.

Oled Evo (série G1)

É o modelo topo de linha da marca. Como o nome sugere, é uma evolução da tecnologia Oled que, segundo a LG, tem 20% mais brilho, maior volume de cor e proporciona maior profundidade na exibição de cenas.

LG Oled EVO é a nova geração de tecnologia de tela da fabricante sul-coreana, e não, isso não é um quadro, é uma TV mesmo - Divulgação - Divulgação
LG Oled EVO é a nova geração de tecnologia de tela da fabricante sul-coreana, e não, isso não é um quadro, é uma TV mesmo
Imagem: Divulgação

Modelos desta série poderão contar com o que a LG chama de gallery design, que é um suporte para que a TV seja instalada na parede como se fosse uma obra de arte. Haverá ainda um suporte chamado gallery stand, que permite adicionar a TV em qualquer ambiente e será vendido separadamente.

LG Gallery Stand - Divulgação - Divulgação
LG Gallery Stand
Imagem: Divulgação
  • Preço: Oled Evo G1 (65 polegadas): a partir de R$ 22.999

Oleds 2021 (séries A1 e C1)

Para os mortais interessados em Oled, mas que não precisam da última tecnologia da TV, há as séries A1 e C1. Elas contam com diferentes tamanhos de 48 polegadas a 83 polegadas

Um dos destaques da série C1 é que ela conta com uma série de recursos para quem curte jogar. As TVs vêm com quatro portas HDMI 2.1, tela 4K com taxa de atualização de 120 Hz (o que dá mais realidade na reprodução de cenas de games), além de contar com otimizador para jogos e baixo lag (o tempo em que um comando é feito no controle e exibido na TV — o que é bem importante, sobretudo em games com mais ação).

LG apresenta novas série de TVs Oled 2021 no mercado brasileiro - Divulgação - Divulgação
LG apresenta novas série de TVs Oled 2021 no mercado brasileiro
Imagem: Divulgação

Os modelos contam ainda com a tecnologia Nvidia G Sync, que é bem comum em monitores gamers. Na prática, ela faz com que a taxa de quadros por segundo dos games seja sincronizada com a da TV, tornando as imagens mais reais.

Já a série A1 vem com modelos de tela grande (55 polegadas e 65 polegadas) e portas HDMI 2.0, mas não contam com taxa de atualização de 120 Hz (mas 60Hz). Além disso, a base das TVs é diferente. Há um apoio em cada uma das pontas, enquanto na série C1 a base é inteiriça e concentrada.

TV LG OLED A1; modelo não conta com recursos gamers e tem uma base diferente - Divulgação - Divulgação
TV LG OLED A1; modelo não conta com recursos gamers e tem uma base diferente
Imagem: Divulgação

A escolha do consumidor entre as duas séries deve se basear mais na necessidade de recursos. A A1 é um modelo interessante para quem quer entrar no mundo da OLED, enquanto a C1 conta com recursos mais voltados ao público gamer.

  • Preço: LG Oled A1 (55" e 65") - A partir de R$ 7.999,00
  • Preço: LG Oled C1 (48", 55", 65", 77" e 83") - A partir de R$ 7.999,00

Qned, uma evolução das TVs LED

Apesar do nome diferente, Qned (nano diodos emissores quânticos) é uma evolução das TVs de LED que estão no mercado há alguns anos. Nestas TVs, basicamente há milhares de mini-Leds espalhados pela tela, com pontos quânticos que ajudam a filtrar melhor as cores emitidas.

Na prática, um modelo Qned tem 30 vezes mais pontos de luz e três vezes mais brilho que uma TV LED convencional. Com uma iluminação mais controlada, as TVs conseguem exibir cores melhores, uma maior nitidez, além de um controle maior sobre o preto (não tão bom quanto os oferecidos em TVs Oled).

TV QNED MiniLed, da LG - Divulgação - Divulgação
TV QNED MiniLed, da LG
Imagem: Divulgação

Diferente das Oleds, nas Qneds a LG conta tanto com modelos 4K como 8K. Como não há tantos conteúdos nesta última resolução (não há filmes e jogos ainda estão sendo desenvolvidos), a companhia dá uma mãozinha em conteúdos de qualidade inferior por meio de upscalling, melhorando a qualidade deles com uma ajuda da inteligência artificial do processador alpha 9.

A LG diz apenas que os modelos chegarão em breve ao mercado brasileiro, mas não há uma data, mas há uma noção do custo dos modelos, todos de tela bem grande.

  • Preço: LG Qned MiniLED (QNED90 - 4K - 65" e 75") - A partir de R$ 17.999,00
  • Preço: LG Qned MiniLED (QNED99 - 8K - 75" e 86") - A partir de R$ 34.999,00