PUBLICIDADE
Topo

Fórmula 1 nos ares? Carro de corrida voador decola pela 1ª vez

No vídeo promocional carro voador apareceu dando voltas em seu passeio inaugural pelo "circuito" no céu - Reprodução/Youtube
No vídeo promocional carro voador apareceu dando voltas em seu passeio inaugural pelo "circuito" no céu Imagem: Reprodução/Youtube

Do Tilt, em São Paulo

17/06/2021 21h39Atualizada em 17/06/2021 21h39

Um carro de corrida voador decolou pela primeira vez para uma volta pelos ares em uma região desértica da Austrália. A novidade foi anunciada em fevereiro pela empresa Alauda Racing, que se define como uma start-up de aeronaves que fazem VTOL ("Decolagem e Aterragem Vertical").

A aeronave, que ganhou o nome de Airspeeder Mk3, é um quadricóptero, um veículo impulsionado por quatro motores, e tem semelhanças com um drone em sua estrutura. Nos vídeos promocionais publicados pela Alauda, ela apareceu dando voltas em seu passeio inaugural pelo "circuito" no céu.

O plano da Alauda Racing é que o Airspeeder "corra" contra outras aeronaves semelhantes em uma nova categoria: um torneio intitulado EXA.

A expectativa da empresa é de que no futuro pelo menos quatro equipes participem do campeonato, que seria realizada em três etapas em lugares diferentes do mundo, ainda não divulgados.

"Eles vão correr 'lâmina a lâmina' sobre lugares que são inacessíveis ao automobilismo tradicional", detalhou a Alauda em um comunicado à imprensa.

Uma espécie de pré-temporada experimental será realizada internamente na empresa, com dois carros voadores de "times de trabalho" diferentes competindo entre si. Segundo o site Futurism, as datas devem ser anunciadas em breve.

Mas a possível concorrente aérea do automobilismo clássico tem um elemento a menos: os pilotos, já que as aeronaves não são tripuladas, sendo dirigidas a distância por pessoas em simuladores.

Já um outro elemento famoso em categorias como a Fórmula 1 estará presente: no pit stop da competição aérea os times terão que trocar baterias de seus equipamentos durante a corrida.