PUBLICIDADE
Topo

Me ajuda, qual celular Motorola eu escolho?

Arte UOL
Imagem: Arte UOL

Thaime Lopes

Colaboração para Tilt

14/05/2021 04h00

Ser fã de Motorola nem sempre é fácil. A fabricante possui tantos modelos disponíveis no Brasil que pode ficar difícil decidir qual é a melhor opção para cada perfil de usuário. Da família G aos Edge, não faltam modelos que cabem em todos os bolsos.

Para facilitar a vida de quem busca um celular da empresa norte-americana, nós escolhemos os melhores smartphones dentro de seis diferentes faixas de preço. Dos mais baratos, passando pelos intermediários e tops de linha, há um smartphone para cada estilo.

De R$ 700 a R$ 1.000

E7 Power

Moto E7 Power - Reprodução - Reprodução
Moto E7 Power
Imagem: Reprodução

Escolhemos o E7 Power por sua bateria. Apesar de ter outros irmãos que estão mais ou menos na mesma faixa de preço (E6i e e6s), com especificações quase idênticas, o Power tem 2.000 mAh a mais de bateria se comparado aos outros dois modelos.

Segundo a fabricante, ela aguenta dois dias de uso moderado, mais do que o suficiente para quem tem um uso moderado, ou seja, usa o aparelho para fazer ligações e navegar nas redes sociais.

Ele também possui a tela um pouquinho maior (1 cm) e conta com a proporção Max Vision da Motorola, que faz com que as imagens ocupem mais espaço na tela, oferecendo uma experiência mais imersiva.

Suas câmeras correspondem a um smartphone de entrada: a resolução da principal é de 13 MP, enquanto a responsável pelas selfies é de 5 MP.

O E7 Power está saindo por R$989,10 à vista no site oficial da Motorola.

Ficha técnica: Moto E7 Power

  • Tela: 6,5 polegadas (16,5cm)
  • Câmeras: 13MP + 2MP (traseiras) e 5MP (frontal)
  • Processador: Helio G25 (2,0 GHz Octa-Core)
  • Memória: 32GB de armazenamento; e 2GB de RAM
  • Bateria: 5.000 mAh

De R$ 1.100 a R$ 1.500

One Fusion

Motorola One Fusion - Reprodução - Reprodução
Motorola One Fusion
Imagem: Reprodução

Para esta faixa de preço, entraram nas brigas os outros irmãos do E7 (o padrão e o Plus), mas quem ganhou mesmo foi o representante da família Motorola One, o Fusion. Com suas quatro câmeras e maior armazenamento da categoria, ele ficou com o posto de melhor escolha para quem quiser gastar menos de R$ 1.500 em um celular.

Seu processador da Snapdragon é mais rápido que os outros modelos mencionados, o que faz diferença principalmente para quem usa o smartphone para jogar e ver vídeos. Mas sua grande vantagem está nas câmeras quádruplas traseiras do smartphone.

Além de possuir alta resolução (a principal é de 48 MP), o resto do conjunto permite que o usuário tire fotos com o fundo desfocado, deixando as cores mais brilhantes mesmo em situação de pouca luz e, ainda por cima, conta com a função Night Vision. Com a ferramenta ativada, fotos tiradas à noite ficam com mais detalhes, luz e cor.

Para fechar, sua bateria também é de 5.000 mAh, capaz de aguentar um uso moderado por mais de um dia ou um uso intenso por um dia inteiro.

No site oficial da Motorola, o One Fusion de 128 GB de armazenamento está saindo por R$ 1.349,10 à vista.

Ficha técnica: Motorola One Fusion

  • Tela: 6,5 polegadas (16,5 cm)
  • Câmeras: 48 MP + 8 MP + 5 MP + 2 MP (traseiras) e 8 MP (frontal)
  • Processador: Qualcomm Snapdragon 710
  • Memória: 64 GB ou 128 GB de armazenamento; e 4 GB de RAM
  • Bateria: 5.000 mAh

Compre Motorola One Fusion

De R$ 1.500 a R$ 1.900

G9 Power

Moto G9 Power - Reprodução - Reprodução
Imagem: Reprodução

O primeiro representante da família G a aparecer na lista é o G9 Power. Como já é de costume na Motorola, o sobrenome Power vem com baterias robustas: são 6.000 mAh de capacidade que, segundo a fabricante, garante 60 horas de uso.

Além da bateria, o G9 Power também conta com outras especificações que merecem destaque: tela de 6,8 polegadas, câmera traseira tripla com alta resolução, 128 GB de armazenamento e o mesmo processador encontrado em outros modelos da linha G.

Ele tem tudo isso e é R$ 200 mais barato que o similar G30, que, além de ser mais caro, tem algumas especificações técnicas inferiores quando comparado ao G9 Power.

O G9 Power pode ser encontrado por R$ 1.529,10 à vista no site da Motorola, nas cores cinza ou azul.

Ficha técnica: G9 Power

  • Tela: 6,8 polegadas (17,2cm)
  • Câmeras: 64 MP + 2 MP + 2 MP (traseiras) e 16 MP (frontal)
  • Processador: Qualcomm Snapdragon 662
  • Memória: 128 GB de armazenamento; e 4GB de RAM
  • Bateria: 6.000 mAh

Compre Moto G9 Power

De R$ 1.900 a R$ 2.300

Moto G 5G

Moto 5G - Reprodução - Reprodução
Imagem: Reprodução

Mais um representante da família G, o 5G ganhou de outros modelos nessa categoria por uma questão: seu processador. Diferente do seu antecessor, o Snapdragon 750G possui suporte à internet 5G (que ainda não está em pleno funcionamento no Brasil).

Mesmo que o processador esteja pronto para uma tecnologia que não temos, ele também tem outras vantagens. Por ser mais recente, é também mais potente e mais rápido, sendo uma boa opção principalmente para quem gosta de usar smartphone para jogar e rodar vídeos mais pesados.

Sua memória RAM também é um ponto positivo, bem como seu armazenamento de 128 GB.

O único porém desse modelo é sua câmera. Ainda que seja tripla e tenha uma resolução consideravelmente alta (48 MP), há outras opções nessa faixa de preço com resoluções ainda maiores - é o caso do G9 Plus, com 64 MP na câmera principal.

Ainda assim, continuamos com a decisão que o G 5G é a melhor opção por ter tecnologia mais atual. Atualmente, seu preço está R$ 1.979,10 à vista na loja oficial, disponível nas cores preta e prata.

Ficha técnica: Moto G 5G

  • Tela: 6,8 polegadas (17,2 cm)
  • Câmeras: 48 MP + 8 MP + 2 MP (traseiras) e 16 MP (frontal)
  • Processador: Qualcomm Snapdragon 750G
  • Memória: 128 GB de armazenamento; e 6 GB de RAM
  • Bateria: 5.000 mAh

Compre Moto G 5G Plus

De R$ 2.300 a R$ 4.000

Moto G100

Moto G100 - Reprodução - Reprodução
Imagem: Reprodução

O mais novo lançamento da Motorola, o Moto G100 chegou para competir com os celulares top de linha, mas com um preço mais acessível que seus concorrentes. Por ser o modelo mais recente da fabricante, não foi difícil o escolher como a melhor opção nessa faixa de preço.

Uma das principais ferramentas do smartphone é a Ready For, que basicamente transforma o celular em um PC portátil. Utilizando um cabo HDMI, é possível conectá-lo à TV para assistir vídeos, ver fotos ou jogar.

Sua tela é grande, de LCD, o que dá a ela cores vibrantes. Seu processador e RAM formam uma boa dupla, deixando o celular livre de travamentos mesmo rodando conteúdos mais pesados, como jogos que exigem muito do desempenho.

Por R$ 3.599,10 direto na Motorola, o G100 cumpre o que promete, com um preço de intermediário e especificações de top de linha.

Ficha técnica: Moto G100

  • Tela: 6,8 polegadas (17,2cm)
  • Câmeras: 64 MP + 16 MP + 2 MP (traseiras) e 16 MP + 8 MP (frontal)
  • Processador: Qualcomm Snapdragon 870
  • Memória: 12 GB de RAM
  • Armazenamento: 256 GB
  • Bateria: 5.000 mAh

Compre Moto G100

Acima de R$ 4.000

Edge+

Motorola Edge+ - Reprodução - Reprodução
Imagem: Reprodução

Chegamos ao fim da lista com o celular mais top que a Motorola tem a oferecer. O Edge+ chegou ao mercado para competir com os grandões - dos Galaxys aos iPhones.

Com três câmeras e dois sensores, um dos pontos mais fortes do modelo são justamente as fotos que ele é capaz de tirar. Isso, somado com sua tela grande (17cm), tornam o Edge+ uma boa opção para quem gosta de editar fotos e assistir vídeos.

Sua bateria não é a maior da lista, mas durante os testes do Tilt, o aparelho aguentou um dia e meio longe da tomada com um uso moderado. Segundo a Motorola, ele aguentaria até 48h ligado sem precisar ser recarregado.

O preço condiz com suas especificações de top de linha: R$ 4.449,10.

Ficha técnica: Edge+

  • Tela: 6,7 polegadas (17cm)
  • Câmeras: 108MP + 16MP + 8MP (traseiras) e 25MP (frontal)
  • Processador: Qualcomm Snapdragon 865
  • Memória: 256GB de armazenamento; e 12GB de RAM
  • Bateria: 5.000 mAh

Compre Motorola Edge+