PUBLICIDADE
Topo

Lâmpada conectada que possui "modo antiladrão" chega ao Brasil por R$ 140

Lâmpada conectada Bulbo A60, da Wiz, pode ser controlada via smartphone e assistentes virtuais - Divulgação
Lâmpada conectada Bulbo A60, da Wiz, pode ser controlada via smartphone e assistentes virtuais Imagem: Divulgação

Guilherme Tagiaroli

De Tilt, em São Paulo

23/02/2021 15h08

O mercado de iluminação inteligente acaba de ganhar mais uma opção no Brasil. A Wiz, uma marca da Signify (responsável pelas lâmpadas Philips Hue), começa a vender nesta terça-feira (23) lâmpadas conectadas no mercado local com uma proposta de democratizar a categoria.

Como novidade, a empresa traz ao país seu modelo de entrada, que custa R$ 140, e uma espécie de "modo anti-ladrão", que acende as luzes de casa quando você está viajando.

Ao todo, a Wiz vai oferecer três modelos por aqui:

  • Bulbo A60 (60W/127V) - R$ 140 (lâmpada convencional com bulbo);
  • GU10 (35W/127V) - R$ 176 (apropriada para salas de estar);
  • Painel de embutir (127V) - R$ 310 (apropriada para projetos de luz e instalação em gesso e forros).

A Wiz estreia por aqui com a missão de concorrer com marcas como Positivo, Xiaomi, Elsys, Geonav, Elgin, entre outras marcas, que contam com portfólios maiores e com preços mais acessíveis.

Lâmpada Wiz GU10; modelo é apropriado para iluminação de salas de estar - Divulgação - Divulgação
Lâmpada Wiz GU10; modelo é apropriado para iluminação de salas de estar
Imagem: Divulgação

Ao seu favor, a empresa tem a expertise de ser uma espécie de "opção mais barata" das lâmpadas Philips Hue, que foram as pioneiras neste ramo e contam com produtos premium (um dos modelos mais baratos da Philips Hue, a lâmpada E27 110V, tem preço sugerido de R$ 350).

Num primeiro momento, serão apenas estes três, mas o app da Wiz sinaliza que a marca deve ainda trazer ao Brasil itens como tomada inteligente, sensor de movimento, painel de parede, entre outros produtos.

Lâmpada inteligente Wiz A6- - Divulgação - Divulgação
Lâmpada conectada Wiz A60
Imagem: Divulgação

Funcionamento

A maioria desses produtos precisa que o usuário instale o app da Wiz no smartphone (disponível para Android e iOS) e que conecte a lâmpada em uma rede Wi-Fi.

A partir disso, a pessoa pode fazer várias configurações manuais, como aumentar ou diminuir a intensidade, ou mudar a cor da lâmpada.

Para facilitar a vida do comprador, a Wiz oferece vários de modos de configuração de luz. Tem, por exemplo, o de luz noturna (para tornar a iluminação um pouco mais fraca), tem o festa (que faz a lâmpada mudar de cores, como se fosse uma balada) e o hora de dormir (que reduz a intensidade aos poucos antes do horário estabelecido para adormecer)

Um dos destaques é o modo "anti-ladrão", que a Wiz chama de "modo férias". Com ele, você indica ao app que não estará em casa e ele acende as luzes para dar a impressão de que tem gente no local.

Os modelos são compatíveis com as principais assistentes disponíveis no mercado, como Amazon Alexa, Apple Siri e Google Assistente. Então, depois da configuração, você poderá controlar por voz a lâmpada ou acionar alguns dos modos disponíveis no aplicativo da Wiz.