PUBLICIDADE
Topo

Xô, diabetes! Fitbit inclui função para monitorar glicose no sangue

smartwatche da marca Fitbit - Divulgação
smartwatche da marca Fitbit Imagem: Divulgação

Vinícius de Oliveira

Colaboração para Tilt

09/02/2021 17h25

Sem tempo, irmão

  • App da Fitbit permite acompanhamento de dados de atividades físicas e índices corporais
  • Agora, será possível monitorar também a variação de açúcar no sangue através do aplicativo
  • O app enviará avisos para o smartwatch, lembrando você de realizar a mediação diariamente
  • A nova função está disponível apenas nos Estados Unidos

A Fitbit, comprada pelo Google por US$ 2,1 bilhões, anunciou na segunda-feira (8) novas funcionalidades para seu aplicativo. Agora, os smartwatches e pulseiras eletrônicas da marca vão permitir que as pessoas monitorem e acompanhem o nível de glicose no sangue. O controle do índice glicêmico é essencial para quem tem diabetes, por exemplo.

De acordo com a empresa, o registro dessas informações somado à rotina de exercícios, à qualidade do sono e às atividades diárias ajudará a saber como seu estilo de vida afeta a quantidade de açúcar no de sangue. A função só estará disponível, a princípio, para consumidores dos Estados Unidos.

Como vai funcionar?

O relógio da empresa não faz a mediação por conta própria. O app enviará notificações para lembrar as pessoas de checarem o nível de glicose diariamente.

É possível importar automaticamente os dados de glicose no sangue registrados no aplicativo OneTouch Reveal, da LifeScan. Outras plataformas serão integradas em breve, de acordo com a Fitbit.

Segundo o site "Slahs Gear", essa função já existia nos smartwatches Fitbit Sense e Fitbit Versa 3, mas a partir de agora chega aos modelos Fitbit Versa 2, Inspira 2 e Charge 4. Este último, aliás, passou a permitir a leitura dos níveis de oxigênio no sangue diretamente no pulso, sem necessidade de abrir o aplicativo da Fitbit.

"O recurso de glicose no sangue não é um substituto para recomendação médica e não se destina a diagnosticar ou tratar qualquer condição médica. O objetivo é simplesmente ajudá-lo a monitorar e controlar suas informações", destaca a empresa em seu blog.

Outra novidade anunciada pela Fitbit em seu aplicativo está na expansão do painel Health Metrics, que monitora a frequência respiratória, cardíaca, saturação de oxigênio e variação de temperatura durante as atividades físicas. A versão gratuita do app exibe as estatísticas dos últimos sete dias, enquanto a versão paga detalha mais ao exibir os índices mensais, além de liberar o uso do Health Coaching, um tipo de treinador personalizado.

Por fim, a empresa também ampliou o suporte ao monitoramento de eletrocardiograma no Canadá, Nova Zelândia e algumas áreas dos Estados Unidos que ainda não contavam com o recurso. Todas as novidades deverão ser implementadas até o fim de fevereiro.