PUBLICIDADE
Topo

Casa de leilões negocia pedaços da Lua e Marte e joias 'feitas do espaço'

Substância extraterrestre que é parte do meteorito Fukang, encontrado nas montanhas perto de Fukang, na China, no ano 2000 - Christies/Reprodução
Substância extraterrestre que é parte do meteorito Fukang, encontrado nas montanhas perto de Fukang, na China, no ano 2000 Imagem: Christies/Reprodução

Colaboração para Tilt, em São Paulo

08/02/2021 13h26

Quem é apaixonado por espaço poderá realizar o sonho de ter uma lembrança extraterrestre a partir de amanhã. A casa de leilões Christie's irá negociar em seu site várias joias feitas com matéria-prima espacial, além de meteoritos provenientes da Lua e de Marte — um deles contendo poeira estelar de 7 bilhões de anos.

O lance mínimo para as ofertas será de US$ 250 (cerca de R$ 1,3 mil) e as apostas poderão ser feitas até o dia 23 de fevereiro, de acordo com a Christie's. Entre as joias disponíveis, estão algumas produzidas com ferro e com o quarto maior pedaço retirado da Lua, segundo o site da CBS News.

Além disso, serão negociados 72 meteoritos encontrados em várias partes do mundo, incluindo alguns que caíram no deserto do Saara, no Chile e na Rússia.

Os destaques principais negociados no site estarão em exibição até o dia 10 de fevereiro na unidade da Christie's, na cidade de Nova York, Estados Unidos. Caso os compradores estejam na cidade, eles poderão observar as peças com hora marcada.

Pedaço do meteorito Gibeon, avaliado entre US $ 15 mil a US $ 25 mil (cerca de R$ 80 mil a 133 mil) - Christies/Reprodução - Christies/Reprodução
Pedaço do meteorito Gibeon, avaliado entre US $ 15 mil a US $ 25 mil (cerca de R$ 80 mil a 133 mil)
Imagem: Christies/Reprodução

Entre as preciosidades mais relevantes está um meteorito de US$ 50 mil (R$ 267 mil), que, ao contrário de 99% de todos os outros meteoritos, não caiu ou inverteu ao mergulhar na Terra, mas manteve uma orientação estável durante a sua descida.

O resultado disso foi uma "forma aerodinâmica extraterrestre atraente", conforme descreve um comunicado. "Raramente os objetos que sobrevivem a esta descida de fogo [dos meteoritos] se parecem com o ideal compartilhado visto neste meteorito. É uma maravilha de se ver", comentou James Hyslop, chefe de Ciência e História Natural da Christie's.

Outro destaque do leilão, segundo a própria casa que negocia as peças, é um pedaço de rocha marciana, que será vendido por pelo menos por US$ 30 mil (aproximadamente R$ 160 mil). Ele contém bolhas de vidro que guardam um pouco da atmosfera de Marte.