PUBLICIDADE
Topo

Galaxy Note 20 chega com tela ainda maior e caneta com "precisão de papel"

Gabriel Francisco Ribeiro

De Tilt, em São Paulo

05/08/2020 11h00Atualizada em 06/08/2020 14h37

Sem tempo, irmão

  • Galaxy Note 20 e Note 20 Ultra são os novos celulares da Samsung
  • Aparelhos chegam com tela ainda maior e caneta S Pen mais precisa
  • Novidades no software miram cada vez mais o uso profissional dessa linha
  • Samsung ainda lançou novo relógio, novo fone bluetooth e novos tablets

Linha que inaugurou as telas grandes em smartphones, o Galaxy Note 20 foi anunciado globamente nesta quarta (5) pela Samsung com duas grandes novidades: a tela, que ficou ainda maior, e a caneta, cada vez mais precisa. Além do Note, a Samsung ainda apresentou seu novo celular dobrável Galaxy Z Fold 2 que promete corrigir bizarrices do anterior.

Por causa da pandemia, os celulares foram apresentados de forma virtual pela Samsung com vídeos feitos no "coração" da empresa na Coreia do Sul, onde os smartphones são desenvolvidos. Tilt já visitou e mostrou como é o local. Nos últimos anos, a linha Note foi apresentada com eventos em Nova York (Estados Unidos).

Os celulares apresentados mantiveram a nova nomenclatura adotada a partir do lançamento do Galaxy S20. São dois novos aparelhos, que carregam diferenças principais na tela, câmeras e bateria:

Galaxy Note 20:

  • 8 GB de RAM e memória interna de 128 GB ou 256 GB: a partir de US$ 999 (cerca de R$ 5.500)

Galaxy Note 20 Ultra:

  • 8 GB ou 12 GB de RAM e memória interna de 128 GB, 256 GB ou 512 GB: a partir de US$ 1.299 (R$ 7.130)

Por enquanto, a empresa não confirma preços e datas de lançamentos para o Brasil. No exterior, as vendas iniciarão em "países selecionados" a partir de 21 de agosto. Os preços estão similares a concorrentes, como o iPhone.

Os modelos chegam com a fama que precedem: prometem ser poderosos e ter os principais recursos que a Samsung consegue colocar em smartphones. Mas muitos dos recursos novos da linha Note já foram vistos no Galaxy S20. Os novos celulares chegam com diferenciais mais focados no software do que no hardware.

Eles vão competir no mercado de celulares mais caros da atualidade, que conta ainda com o iPhone 11 (no próximo mês a Apple deve lançar o 12), Moto Edge+, Xiaomi Mi 10, Huawei P40 Pro, entre outros aparelhos.

Todos os modelos do Note são compatíveis com o 5G, incluindo o 5G DSS brasileiro, frequência de transição que passou a ser adotada no país em julho, tendo o top de linha Motorola Edge+ como primeiro smartphone compatível.

Samsung lançou Note 20, relógio Galaxy Watch 3 e fone Buds Live - Divulgação - Divulgação
Samsung lançou Note 20, relógio Galaxy Watch 3 e fone Buds Live
Imagem: Divulgação

Além dos dois celulares, a Samsung ainda anunciou novos gadgets do seu ecossistema, como o fone de ouvido bluetooth Buds Live, o relógio Galaxy Watch 3 e os tablets Galaxy Tab S7 e S7+. Saiba tudo abaixo sobre os lançamentos.

Design elegante e mais telona

O Note 20 e o Note 20 Ultra chegam com um design elegante, como é de esperar em um celular turbinado. A Samsung tem destacado principalmente a cor bronze nos materiais de divulgação e, vista de longe, ela parece deixar o aparelho com um visual bem bonito. A ideia da marca é fazer com que o aparelho vire quase uma joia.

As outras cores do Note 20 são um pouco mais sem graça, como um verde meio água e um cinza escuro. Já o Ultra terá as cores branca e preta como opções. Ao contrário das últimas versões, o celular, composto por metal e vidro, terá um visual mais fosco e que lembra mais aparelhos como o iPhone 11 Pro Max.

Ambos os aparelhos ainda têm uma moldura para as câmeras na traseira. Isso foi visto pela primeira vez no iPhone 11 e virou moda desde então, já aparecendo em vários aparelhos da Samsung. Nos novos Notes, as lentes impressionam pelo tamanho grande. Na frente, são bem poucas bordas e apenas um entalhe para câmera no topo.

Galaxy Note 20 Ultra, novo celular da Samsung - Divulgação - Divulgação
Galaxy Note 20 Ultra, novo celular da Samsung
Imagem: Divulgação

Como no ano passado, a Samsung aposta em lançar dois modelos na linha Note, mas, neste ano, não haverá muita diferença no tamanho das telas. Se o Note 10 tinha 6,3 polegadas (16 cm), agora ele tem 6,7 polegadas (17,7 cm). O Note 20 Ultra também cresceu, passando de 6,8 polegadas (17,2 cm) para 6,9 polegadas (17,5 cm). Tamanho é de fato documento nesta família de smartphones.

Se no tamanho eles são parecidos, há um detalhe importante que diferencia ambos: o Note 20 Ultra tem a tela curva nos cantos, enquanto o Note 20 tem uma tela plana que não se curva para a borda lateral. Há quem goste da tela nas laterais por dar mais imersão a conteúdos, mas ela também causa incômodos como cliques involuntários.

A tela do Note 20 Ultra ainda terá a taxa de atualização de 120 Hz vista no Galaxy S20 Ultra, que deixa a transição de conteúdos mais rápida. Ao contrário do modelo "irmão", o Note usará uma tecnologia que identifica o conteúdo na tela para fazer uma variação da taxa usada e assim economizar bateria —um texto pode usar 10 Hz, enquanto um game pesado pode usar 120 Hz, por exemplo.

Os aparelhos chegam com a tecnologia Amoled Dinâmico para as telas e a Samsung aponta que o Ultra conta com um brilho 25% maior, o que pode ajudar ao vermos conteúdos sob a luz do sol.

Caneta mais precisa e software turbinado

Acessório exclusivo da linha Note, a caneta S Pen também passou por melhorias que devem deixá-la mais útil para usar na tela maior. Um dos novos recursos é que o tempo de resposta da escrita será diminuído em até 80%.

No Note 20 Ultra, o tempo entre o movimento do usuário para escrever na tela e o texto de fato aparecer será de 9 milissegundos. Segundo a Samsung, isso dará uma sensação real do usuário estar escrevendo com uma caneta e papel. De fato, um dos problemas de canetas em gadgets é que acaba tendo um pequeno atraso na resposta. As anotações na tela ainda serão ajustadas automaticamente para ficarem alinhadas e não mais tortas.

Os comandos por gestos, que transformam a S Pen em uma espécie de controle remoto do celular, também serão aprimorados. Serão agora mais comandos e gestos possíveis de interação, todos podendo ser personalizados pelo usuário.

A Samsung ainda tem uma série de atualizações de software para a linha que deixam o aparelho mais "faz tudo" para uso profissional. O aplicativo Notas da Samsung, por exemplo, passa a ser sincronizado no celular, tablet e computador por meio da Samsung Account. Além disso, ele ganhará pastas. Ambas as atualizações lembram o que já ocorre atualmente em iPhones.

Tela do Note 20 Ultra ficou ainda maior - Divulgação - Divulgação
Tela do Note 20 Ultra ficou ainda maior
Imagem: Divulgação

Além disso, os aparelhos ganham uma tecnologia chamada banda ultralarga que permitirá que o celular compartilhe arquivos com outros aparelhos com a mesma tecnologia. Basta apontar um dispositivo para o outro —diferente do bluetooth, que exige os dois lados conectados. Essa tecnologia pode servir ainda para outros elementos do dia a dia, como abrir uma fechadura inteligente e afins apenas ao mirar o celular.

Outra novidade interessante é chamada de "marcador de áudio", uma sincronização entre o texto escrito e o áudio gravado. Ao fazer anotações e gravar algo ao mesmo tempo (como uma aula ou palestra), o Note 20 vai atrelar uma informação a outra. Ao voltar no texto depois, por exemplo, o celular já vai jogar o áudio para o momento da anotação que você está olhando —e vice-versa.

A Samsung ainda fez uma parceria com a Microsoft que permite duas novidades. Com o "Link to Windows" será possível acessar aplicativos do smartphone sem mexer nele, usando o ambiente Windows. A função pode ser usada em outros celulares, mas estará mais otimizada no Note. Já as Notas podem sem sincronizadas com soluções da Microsoft como Outlook, Word e mais.

Uma outra novidade envolve o DeX. Lançado pela Samsung há alguns anos como um dock em que era possível ligar o celular em um monitor para transformá-lo em um PC, ele agora funcionará totalmente sem fio.

Câmeras do S20 com melhorias

As câmeras do Note 20 e do Note 20 Ultra podem ser definidas como as mesmas câmeras do S20, exceto algumas melhorias. Ambos os modelos ficam assim em termos de especificações:

Galaxy Note 20:

  • Câmera traseira principal de 12 MP
  • Câmera traseira teleobjetiva de 64 MP
  • Câmera traseira grande angular de 12 MP
  • Câmera frontal de 10 MP

Galaxy Note 20 Ultra:

  • Câmera traseira principal de 108 MP
  • Câmera traseira teleobjetiva de 12 MP
  • Câmera traseira grande angular de 12 MP
  • Câmera frontal de 10 MP

No modelo Ultra, a câmera traseira terá ainda um sistema chamado Laser Focus que aprimora o foco automático do celular. Isso ocorre porque alguns usuários reclamaram do foco do S20 Ultra, que tem a mesma lente de 108 MP.

Também ao contrário da linha S, o zoom máximo do Note 20 Ultra será de 50x, enquanto no Note 20 será de 30x —o S20 Ultra tem zoom de até 100x, apesar das imagens normalmente ficarem bem borradas neste modo, em outros modelos do mercado. A Huawei já tem um zoom de 50x desde o Huawei P30 Pro, lançado em março de 2019.

Opções de cores do novo Galaxy Note 20 - Divulgação - Divulgação
Opções de cores do novo Galaxy Note 20
Imagem: Divulgação

Os smartphones ainda poderão gravar em 8K, como ocorre com o S20. Nos novos Notes, a gravação pode ser feita em 24 fps (quadros por segundo), padrão normalmente usado no cinema. Dará para escolher entre os aspectos de tela 16:9, típico do celular, e 21:9, que costuma ser usado no cinema.

A gravação em vídeo ainda terá um modo Pro como o das fotografias, em que será possível mudar todas as configurações da câmera. Dá até para definir uma velocidade do zoom para criar diferentes sensações na filmagem. Um zoom mais lento pode deixar uma cena mais dramática e um zoom mais acelerado pode causar impacto. A Samsung quer realmente que o Note seja um novo modo de fazer filmagens profissionais.

Desempenho turbinado

Como é de se esperar, todos esses detalhes do Note 20 são acompanhados por um desempenho que promete ser poderoso. Os smartphones chegarão ao Brasil com um processador Exynos 990, que é o mesmo utilizado no S20.

O processador é acompanhado de 8 GB de RAM no caso do Note 20, enquanto no Ultra esse número pode chegar a 12 GB. O desempenho é ainda turbinado por um recurso chamado "game booster", que percebe se um jogo exige alta ou baixa intensidade para entregar só a performance necessária.

$escape.getH()uolbr_geraModulos('embed-foto','/2020/note-20-ultra-visto-de-frente-celular-mantem-as-caracteristicas-da-linha-1596562652656.vm')

A Samsung ainda diz que os aparelhos têm a câmara de vapor mais fina do mundo —essa peça fica dentro dos smartphones para resfriar os aparelhos e, quanto mais fino, menos compromete o design e menos espesso ele fica.

Já a bateria do Note 20 será de 4.300 mAh, enquanto a do Note 20 Ultra será de 4.500 mAh. Os celulares ainda têm um carregamento rápido que promete 50% de bateria em 30 minutos.

Outros lançamentos

Além dos novos Note, a Samsung ainda apresentou o Galaxy Watch 3, relógio inteligente da marca, o Buds Live, novo fone de ouvido bluetooth, e os tablets Galaxy Tab S7 e S7+. Saiba um pouco mais sobre os produtos:

Galaxy Tab S7 e S7+:

Galaxy Tab S7 - Reprodução - Reprodução
Imagem: Reprodução
  • Tablets Android com conexão 5G e voltados para a produtividade; acompanham caneta S Pen aprimoradas
  • Tela: 11 polegadas (S7) e 12,4 polegadas (S7+)
  • Processador: Snapdragon 865+ (3,1 GHz)
  • Bateria: 8.000 mAh (S7) e 10.090 mAh (S7+)
  • Memória: 6 GB ou 8 GB de RAM e 128, 256 ou 512 GB de armazenamento
  • Dimensões: 165,3 x 253,8 x 6,3 mm (S7) e 185 x 285 x 5,7 mm (S7+)
  • Cores: preto, prata e bronze
  • Preços nos EUA: US$ 649,99 (S7), US$ 849,99 S7+ --R$ 3.435 e R$ 4.495 respectivamente, na conversão direta. Estará disponível nos EUA a partir de 21 de agosto

Buds Live:

São três opções de cores para os novos fones Buds Live - Divulgação - Divulgação
São três opções de cores para os novos fones Buds Live
Imagem: Divulgação

  • Design novo, em formato de "feijão". Encaixa na orelha e não entra no canal auditivo.
  • Tem dois microfones externos e um interno. Se percebe que o ambiente tem muito ruído, o microfone interno é acionado e os externos cancelados.
  • Conta com cancelamento ativo de ruído, ao contrário do Buds e do Buds+. Tem inteligência para saber qual barulho cancelar --por exemplo, não cancela a voz de outra pessoa em uma conversa ou uma chamada em aeroporto.
  • Alto-falante maior do que os outros Buds, com som melhorado
  • Custará US$ 169 (R$ 930) e estará disponível no exterior a partir de 6 de agosto

Galaxy Watch 3:

Galaxy Watch 2 e Note 20 Ultra são novidades da Samsung - Divulgação - Divulgação
Galaxy Watch 3 e Note 20 Ultra são novidades da Samsung
Imagem: Divulgação

  • Design clássico e redondo. Pulseira de couro já vem com o relógio. Tem várias customizações, nos mostradores ou submostradores - pode escolher nível de bateria, número de passos, previsão do tempo, data. São até 40 customizações diferentes, em que o usuário pode escolher cinco.
  • Leitor de pressão arterial. Pode ir na farmácia, medir com equipamentos profissionais e aí definir esse número como base. Depois o relógio vai poder medir durante todo o dia e a Samsung promete que isso funciona como um exame que possa ser apresentado ao médico.
  • Medição de eletrocardiograma. Precisam ser feitas liberações com órgãos de saúde locais ainda para os recursos de saúde. A Samsung também diz que pode ser usado para médicos.
  • Medidor de oxigênio do sangue (saturação). Neste caso, a Samsung diz que não vale como exame próprio e que precisa ser acompanhado por um médico porque há uma série de variáveis que podem afetar essa medição (exercício físico, fumante, altitude, etc) e só um médico pode avaliar.
  • Detector de quedas. Pode configurar quatro pessoas para enviar alerta sobre a queda.
  • Faz monitoramento do sono. Vai ter uma pontuação que varia com diferentes elementos --se dormiu pouco, se o sono foi agitado. Dará ainda dicas para melhorar o sono.
  • Relatório da atividade física mais detalhado: diz em tempo real se tem assimetria no passo, ou se usa mais a pena esquerda do que a direita.
  • Controle de outros dispositivos: pode controlar música, câmera, apresentação de power point e mais com o relógio.
  • Custará a partir de US$ 399 (R$ 2.200) e estará disponível no exterior a partir de 6 de agosto

Ficha técnica: Galaxy Note 20

Tela: 6,7 polegadas com resolução Full HD+ (2400 x 1080 pixels) e iluminação Amoled Dinâmica
Sistema operacional: Android 10
Processador: Exynos 990 (2,7 GHz)
Câmeras: traseira tripla (12 MP + 64 MP + 12 MP) e frontal (10 MP)
Memórias: 8 GB de RAM e memória interna de 128 GB ou 256 GB
Dimensões e peso: 161.6 x 75.2 x 8.3 mm, 192 g
Bateria: 4.300 mAh

Ficha técnica: Galaxy Note 20 Ultra

Tela: 6,9 polegadas com resolução Quad HD+ (3088 x 1440 pixels) e iluminação Amoled Dinâmica
Sistema operacional: Android 10
Processador: Exynos 990 (2,7 GHz)
Câmeras: traseira tripla (108 MP + 12 MP + 12 MP) e frontal (10 MP)
Memórias: 12 GB de RAM e memória interna de 128 GB, 256 GB ou 512 GB
Dimensões e peso: 164.8 x 77.2 x 8.1 mm, 208 g
Bateria: 4.500 mAh