PUBLICIDADE
Topo

Google ajudará você a recusar ligação do telemarketing; veja como ativar

Estúdio Rebimboca/UOL
Imagem: Estúdio Rebimboca/UOL

Marcella Duarte

Colaboração para Tilt

30/06/2020 16h32

O Google vai testar um novo recurso no Brasil: o "Chamadas Verificadas", que informará qual o motivo da ligação de uma empresa antes que ela seja atendida. A função, por enquanto só para celulares Android, vai ajudar a recusar as inconvenientes chamadas de telemarketing, além de evitar golpes e fraudes.

O Brasil será o primeiro país a receber o projeto-piloto, segundo o Google revelou ao site norte-americano The Verge. O escritório da empresa no Brasil confirmou a Tilt que o serviço está em fase de implantação, sem revelar datas de lançamento.

"Estamos testando um recurso no aplicativo Telefone do Android, que verifica chamadas de negócios. Ele ajuda as pessoas a entenderem a real identidade dos negócios que estão ligando. Quando uma chamada é verificada, você verá o motivo da ligação como parte da identificação do chamador", diz a nota.

As chamadas consideradas confiáveis irão receber uma "medalha" de verificada (como as de algumas contas do Instagram) e mostrar o nome e logo da empresa que está ligando. O que não significa que as que não tiverem a medalha são, necessariamente, spam: a função depende de que as empresas tenham sido cadastradas e aprovadas junto ao Google, e enviado os motivos de contato.

O serviço somente funciona dentro do aplicativo Google Phone (Telefone) —ou seja, não é compatível com apps proprietários de empresas, como o da Samsung. As Chamadas Verificadas vão aparecer apenas em celulares com Android puro, como Motorola e Xiaomi.

A função será ativada por padrão. Basta que você tenha adicionado seu número de telefone à sua conta Google. Para desativá-la, entre no app Telefone, toque em Mais e Configurações, toque em Identificador de chamadas e Spam (ou Spam e Filtro de chamadas) e desative a opção.

Como funciona?

  1. Antes de ligar para você, a empresa envia a um servidor do Google, dedicado a Chamadas Verificadas: o número de telefone dela; seu número de telefone; o motivo do contato (por exemplo: "agendar a instalação da Internet" ou "entrega de comida").
  2. O Google envia essas informações para o app Telefone do seu dispositivo.
  3. Quando a empresa liga para você, seu celular compara as informações da ligação com as que o Google havia recebido. Se os dados corresponderem, é uma Chamada Verificada.
  4. Vendo a medalha, o nome da empresa e o motivo da ligação, você pode decidir se vai atender ou rejeitá-la.
De acordo com o suporte do Google, a privacidade do usuário é totalmente mantida com a função. "O Google não compartilha informações confidenciais sobre você com nossos parceiros de negócios" e "envia todos os dados de verificação da empresa para o Google e do Google para seu dispositivo por meio de uma rede criptografada do Transport Layer Security (TLS)". Minutos após a verificação, os dados são excluídos do servidor de Chamadas Verificadas.