PUBLICIDADE
Topo

Por que 1º lançamento de astronauta nos EUA em 9 anos não vai ter festa

Crew Dragon da SpaceX - Divulgação
Crew Dragon da SpaceX Imagem: Divulgação

Felipe Oliveira

Colaboração para Tilt

21/05/2020 16h11

A Nasa vai realizar no próximo dia 27 de maio o primeiro lançamento tripulado a partir de solo americano desde 2011, na missão STS-135. Mas o que seria um retorno triunfante, com festa e expectativa de meio milhão de espectadores no Centro Espacial Kennedy, na Flórida, deve ficar marcado pela falta de celebração devido à pandemia de covid-19.

Desde o lançamento de 2011, a Nasa confiou nas cápsulas russas da Soyuz, lançadas do Cazaquistão, para enviar seus astronautas para a órbita. Nesse período, as plataformas de lançamento do Cabo Canaveral aderiram a missões de robótica e carga.

Isso mudará com a missão de o voo de testes da SpaceX, chamada de Demo-2, que terá a bordo os astronautas Robert Behnken e Douglas Hurley.

Contudo, a covid-19 impede que a região no entorno da plataforma de lançamento volte a receber turistas que costumam acompanhar os lançamentos da Nasa.

Viagens, celebrações, reuniões sociais e até mesmo sair de casa desnecessariamente estão fora de moda nos Estados Unidos desde que o país se tornou a maior vítima da pandemia do coronavírus. Além disso, a própria Agência Espacial Americana tem recomendado que as pessoas fiquem em casa.

Jim Bridenstine, chefe da agência, chegou a pedir para que a população acompanhe o lançamento apenas por meio da transmissão ao vivo da Nasa e que não se locomova até o local.

Além disso, em comunicado enviado ao site Space.com, a porta-voz do complexo de visitantes, Rebecca Shireman, afirmou que o local que acolhe espectadores nos lançamentos estará fechado. O complexo deverá reabrir ao público, seguindo as orientações sanitárias, no dia seguinte ao lançamento.

Em circunstâncias normais, o primeiro voo tripulado em quase uma década provavelmente atrairia centenas de milhares de espectadores, mas não se sabe ao certo o que ocorrerá no próximo dia 27.

Turismo

Apesar da orientação da Nasa para que os americanos acompanhem o lançamento de casa, o turismo local tem afirmado que espera receber espectadores. De acordo com o Florida Today, Wayne Ivey, xerife do Condado de Brevard, pediu para que as pessoas acompanhem o fato histórico pessoalmente.

"Não vamos impedir que os grandes americanos que querem vir assistir aqui venham. Se a Nasa está dizendo para as pessoas não virem aqui para assistir ao lançamento, isso é por conta dela. Estou dizendo às pessoas o que acredito como americano. A Nasa tem suas diretrizes, eu as minhas", disse Ivey.

Divulgação
Imagem: Divulgação

Já Peter Cranis, diretor executivo de turismo da Costa Espacial, comparou a missão Demo-2 aos principais lançamentos de ônibus espaciais. Segundo ele, esse tipo de evento é muito importante para o turismo local, com a pernoite de uma família nos hotéis da região custando cerca de US$ 1.000, além dos gastos médios de US$ 150 por dia no comércio da região.

Saúde

Mas, os números não podem se limitar aos dólares. Em 18 de maio, a Flórida registrou 45 mil infecções e mais de 2 mil mortes pela covid-19, de acordo com o departamento de saúde do estado. O condado de Brevard, que inclui os locais de lançamento, já viu mais de 350 casos e 11 mortes.

Apesar desses dados, a Flórida iniciou o processo de reabertura, com restaurantes e comércio começando a operar de forma limitada. Viajar à Flórida também está permitido, embora visitantes que chegam de Nova York, New Jersey e Connecticut tenham de se isolar por 14 dias após entrar no estado.

Uniforme de astronauta que irá ao espaço na Crew Dragon da SpaceX - Divulgação
Uniforme de astronauta que irá ao espaço na Crew Dragon da SpaceX
Imagem: Divulgação

Como assistir

O lançamento do próximo dia 27 de maio promete ser realmente um espetáculo. A Nasa pagou, em setembro de 2014, US$ 2,6 bilhões à SpaceX para que ela desenvolvesse uma cápsula americana capaz de levar astronautas à ISS, devolvendo ao país a autonomia que ele teve até o término do programa de ônibus espaciais.

A transmissão está programa para acontecer no canal da Nasa no YouTube, que vem exibindo os testes da Crew Dragon ao vivo. O lançamento, com destino à Estação Espacial Internacional, está marcado para às 17h33 (de Brasília), partindo do Complexo de Lançamento no Centro Espacial Kennedy.