PUBLICIDADE
Topo

Empresa do bilionário Richard Branson faz produção em massa de respiradores

Richard Branson é o dono do grupo Virgin, que pretende fabricar respiradores nos EUA - AP Photo/Mark J. Terrill
Richard Branson é o dono do grupo Virgin, que pretende fabricar respiradores nos EUA Imagem: AP Photo/Mark J. Terrill

Colaboração para Tilt

30/03/2020 18h49

A Virgin Orbit, braço focado em lançamento de satélites do grupo empresarial comandado pelo bilionário inglês Richard Branson, anunciou que vai produzir em massa aparelhos respiradores para hospitais dos EUA na luta contra o novo coronavírus.

O projeto ainda depende de aprovação do FDA (Food and Drug Adminstration), agência que regula medicamentos e tratamentos no país, mas já está em desenvolvimento por meio de parceria com médicos pesquisadores da Universidade da Califórnia em Irvine, e da Universidade do Texas em Austin.

"É um projeto robusto e muito, muito simples, que nós podemos oferecer para as pessoas que mais precisam e para os hospitais que mais precisam desses equipamentos muito rapidamente", disse o líder da equipe que desenvolve o dispositivo, Kevin Zagorski, em entrevista ao site do canal americano CNBC.

Zagorski gerencia a Virgin Orbit, e seu trabalho normalmente é a construção de motores para os foguetes que lançam satélites. O equipamento que será produzido, detalhou o executivo, comprime bolsas médicas e leva ar aos pulmões dos pacientes por meio da traqueia.

"Normalmente nós trabalhamos em motores de foguetes e sistemas que levam satélites à órbita. Mas com a crise da Covid-19, nós perguntamos ao governador (Gavin) Newsom (da Califórnia) o que podíamos fazer para ajudar", disse o CEO da empresa, Dan Hart.

Sobre a necessidade de aprovação pela FDA, ele disse que a empresa "espera levar a ajuda aos hospitais o mais rápido possível".

Os respiradores estão em falta nos hospitais dos EUA devido à grande demanda provocada pela pandemia da covid-19. Empresas como Ford e GM já entraram em ação para fabricar esses equipamentos.