PUBLICIDADE
Topo

Hackers vazam dados sigilosos das empresas de Elon Musk, Tesla e SpaceX

Elon Musk na Alemanha - Odd Andersen/AFP Photo
Elon Musk na Alemanha Imagem: Odd Andersen/AFP Photo

De Tilt, em São Paulo

02/03/2020 19h35

A manufatureira americana Visser Precision, confirmou nesta terça-feira (3) ter sido vítima de ataques de hackers, que vazaram documentos sigilosos envolvendo as empresas SpaceX e Tesla, de Elon Musk. O crime foi cometido pelo grupo DoppelPaymer, que pede uma quantia em dinheiro para cessar os vazamentos.

"Fomos alvo recente de um incidente criminoso de cibersegurança, incluindo acesso ou roubo de dados [...] As investigações estão sendo feitas enquanto o funcionamento da empresa segue normalmente", disse um representante da Visser ao site Sky News. Ainda não se sabe como os hackers conseguiram acesso aos dados.

Dentre as companhias que o grupo alega ter hackeado, estão gigantes da aeronáutica como a Boeing e a empresa de exploração espacial de Jeff Bezos, Blue Origin.

Brett Callow, pesquisador de segurança da Emsisoft, que alertou a Sky News do vazamento, comentou sobre o tema: "É absolutamente essencial que esses incidentes sejam prontamente divulgados [...] As informações vazadas de uma empresa poderiam ser usadas em esquemas extremamente efetivos via email ou outras formas de fraude contra seus parceiros comerciais".

"Resumindo, a não divulgação imediata desses incidentes torna a vida dos cibercriminosos muito mais fácil [...] O cenário em termos de ameaça tem mudado consideravelmente nos últimos meses, e os governantes deveriam considerar corrigir e fortalecer as leis de notificação de vazamento para refletir isso", concluiu Callow.

SIGA TILT NAS REDES SOCIAIS