PUBLICIDADE
Topo

Google acaba com serviço que oferecia wi-fi grátis em países como o Brasil

Ponto do Google Station em estação ferroviária na Índia - Getty Images/iStockPhoto
Ponto do Google Station em estação ferroviária na Índia Imagem: Getty Images/iStockPhoto

De Tilt, em São Paulo

17/02/2020 12h14Atualizada em 17/02/2020 13h41

O Google decidiu colocar um fim no Google Station, projeto que permitia a qualquer pessoa acessar uma rede wi-fi gratuita em diversos locais públicos do mundo, inclusive no Brasil.

A informação foi divulgada pelo TechCrunch, que falou com Caesar Sengupta, executivo da gigante de tecnologia. Segundo o site, o serviço deve ser descontinuado gradativamente durante este ano.

Um dos motivos para o encerramento é financeiro, já que a empresa teve dificuldades em encontrar "um modelo de negócio sustentável" para disseminar o programa.

Os valores cada vez menores para uso das redes 3G e 4G no mundo também serviram como barreira para a continuação do projeto. Por fim, o fim do Station se dá por ferramentas técnicas, segundo o executivo.

"O desafio de variar os requisitos técnicos e a infraestrutura entre nossos parceiros em todos os países dificultou a escala e a sustentabilidade do Station. E quando avaliamos onde podemos realmente causar um impacto no futuro, vemos uma maior necessidade e maiores oportunidades de criar produtos e recursos de construção adaptados para funcionarem melhor", disse ele ao veículo.

Nos últimos anos, além do Brasil, países como Indonésia, México, Tailândia, Nigéria, África do Sul e Filipinas contaram com redes do Station.

SIGA TILT NAS REDES SOCIAIS