PUBLICIDADE
Topo

SpaceX divulga fotos de teste em que Crew Dragon escapa de falha e explosão

De Tilt

22/01/2020 19h07

A SpaceX divulgou fotos do teste com o foguete Falcon 9 e a cápsula de passageiros Crew Dragon na preparação para levar astronautas para a ISS (Estação Espacial Internacional), realizado no último dia 19.

A empresa de Elon Musk explodiu, intencionalmente, uma unidade do foguete para ver se o mecanismo de ejeção de emergência da cápsula funciona corretamente.

Todo o evento foi transmitido pela internet e mostrou o procedimento completo: lançamento do foguete, uma pane na atmosfera, a ejeção de emergência da cápsula e a explosão do foguete.

Na sequência, a cápsula se desconectou de mais um componente e deu início ao processo de descida, ajudado por quatro paraquedas acionados para desacelerar o objeto, que caiu no Oceano Atlântico.

O experimento estava planejado para meados de 2019, mas sofreu atrasos porque um modelo prévio da cápsula explodiu em abril em um experimento com seus propulsores. A SpaceX identificou uma falha em uma válvula como causa do acidente e corrigiu o defeito.

Este é tido como o último teste qualitativo antes de foguete e cápsula da SpaceX serem considerados aptos a levar astronautas americanos para a ISS. A relevância disso está no fato de os Estados Unidos dependerem, desde 2011, dos foguetes russos Soyuz para irem à órbita da Terra.

A Nasa pagou, em setembro de 2014, US$ 2,6 bilhões à SpaceX para que ela desenvolvesse uma cápsula americana capaz de levar astronautas à ISS, devolvendo ao país a autonomia que ele teve até o término do programa de ônibus espaciais. A expectativa inicial era que o projeto fosse concluído em 2017.