Topo

PayPal cancela pagamentos a performances eróticas no site PornHub

Getty Images
Imagem: Getty Images

De Tilt, em São Paulo

14/11/2019 13h51

Sem tempo, irmão

  • Atores e atrizes do PornHub recebiam pagamentos via PayPal por perfomances no site
  • Segundo comunicado, PayPal decidiu encerrar os pagamentos via ferramenta
  • PayPal alega que o PornHub fez "determinados pagamentos comerciais" sem pedir permissão
  • PornHub informou que está buscando garantir pagamentos já feitos e outras vias para as remunerações

O site canadense PornHub, especializado em compartilhamento de vídeos pornográficos, anunciou na quarta-feira (13) que não recebe mais pagamentos online realizados pela PayPal, uma das mais importantes do setor. A decisão deverá impactar negativamente os vencimentos de diversos atores e atrizes que usam o endereço para performances remuneradas, e que agora deverão procurar outro método.

Segundo informou o blog do PornHub, a decisão foi tomada pelo próprio PayPal. "Estamos todos arrasados pela decisão de encerrar os pagamentos para centenas de milhares de atores e atrizes que confiam na empresa para sua subsistência", disse o site.

"Pedimos sinceras desculpas se isso causou atrasos (em pagamentos). Teremos nossa equipe trabalhando para garantir que os pagamentos feitos serão processados o mais rápido possível, assim como na busca por novos métodos de pagamento", acrescenta o texto.

Ao site Vice, um porta-voz do PayPal alegou que, após análise, a empresa descobriu que "o Pornhub fez determinados pagamentos comerciais por meio do PayPal sem solicitar nossa permissão". "Tomamos medidas para impedir que essas transações ocorram", explicou.

Em sua política de atividade, o PayPal afirma que "certos materiais ou serviços de orientação sexual" são proibidos.

Empresa cria aplicativo para você mandar nudes sem se preocupar

Virgula

Negócios