Topo

Lembra do Motorola Razr V3? Celular flip voltou com tela flexível e moderna

Motorola Razr ganhou um belo "banho de loja" - Divulgação/Motorola
Motorola Razr ganhou um belo "banho de loja" Imagem: Divulgação/Motorola

De Tilt, em São Paulo

14/11/2019 06h44Atualizada em 14/11/2019 12h19

Sem tempo, irmão

  • Motorola trouxe de volta o modelo Razr, aquele que você teve no começo dos anos 2000
  • A versão evoluída do smartphone tem o famoso formato flip, mas com tela flexível
  • Como dobra ao meio, o aparelho fica compacto, mas ainda garante uma telona

A Motorola anunciou nesta quinta-feira (14) a volta do modelo queridinho Razr, aquele celular que fez sucesso no começo dos anos 2000. Agora, claro, ele vem numa versão super evoluída, mas sem perder uma das suas principais características: o formato flip.

A tela é flexível e dobra completamente ao meio, de modo que o aparelho fica compacto e cabe facilmente no bolso sem comprometer a experiência de uma tela grande, sonho de consumo da galera. O vidro é o Gorila Glass 3D.

Quando aberto, ele garante uma experiência mais imersiva, com a tela dobrável Flex View de 6,2" (15,7 cm) e proporção 21:9, ou seja, bem estreito e comprido.

Quando fechado, o celular conta com uma tela interativa Quick View, que ajuda a acessar rapidamente informações importantes, fazer chamadas, responder o WhatsApp, fazer pagamentos, controlar suas músicas, tirar selfies e utilizar o Google Assistente.

Motorola Razr - Divulgação/Motorola
Motorola Razr
Imagem: Divulgação/Motorola

A câmera interna é de 5 MP e f/2.0, enquanto a externa é de 16 MP e f/1.7. Ela possui recursos como Night Vision, que combinar oito quadros em diferentes exposições para garantir uma boa imagem em ambientes de pouca luz, e a Inteligência Artificial integrada, que permite tirar aquela foto da galera sem tocar na câmera. O modo analisa automaticamente rostos e faz o clique quando todos estiverem sorrindo. O pós-processamento das fotos também é inteligente e analisa a cena para sugerir otimização da imagem e composição mais adequada.

O aparelho é revestido de aço inoxidável e leva uma camada protetora que oferece resistência a respingos d'água acidentais, mas a fabricante destaca que não é à prova d'água e não pode ser submerso.

No entanto, a Motorola ressalta que investiu muito na tecnologia "zero gap", um sistema patenteado de fechamento que permite que ambos os lados da tela flexível se fechem perfeitamente, protegendo-a da sujeira e poeira.

Outra novidade foi a antena, redesenhada para caber no tamanho do celular fechado (metade do tamanho dos smartphones atuais).

O processador Snapdragon 710 não é o mais top da Qualcomm, mas é um bom processador e está presente no Xiaomi Mi 9 Lite e no Galaxy A8s.

A memória RAM é de 6 GB, e o armazenamento é de 128 GB. Ele vai rodar o sistema operacional Android 9 (Pie).

Segundo a Motorola, o aparelho chegará ao mercado brasileiro a partir de janeiro — o preço ainda não foi divulgado. Lá fora, a operadora Verizon disse que o Razr custará US$ 1.500.

Ficha técnica

  • Tela dobrável de 6.2" 21:9
  • Processador Snapdragon 710
  • 6 GB de memória RAM e 128 GB de armazenamento
  • Câmera principal de 16 MP e f/1.7
  • Câmera frontal de 5 MP e f/2.0
  • Sistema operacional: Android 9 Pie

Lançamentos