Topo

Cientistas criam método para identificar planetas com vida extraterrestre

A visão de 10 mil galáxias em uma única imagem. O Campo Ultraprofundo do Telescópio Hubble foi criado a partir de 800 fotos feitas entre 2003 e 2004  - Divulgação/NASA, ESA, S. Beckwith e HU
A visão de 10 mil galáxias em uma única imagem. O Campo Ultraprofundo do Telescópio Hubble foi criado a partir de 800 fotos feitas entre 2003 e 2004 Imagem: Divulgação/NASA, ESA, S. Beckwith e HU

De Tilt, em São Paulo

14/11/2019 20h38

Planetas que poderiam abrigar vida alienígena vêm sendo identificados por cientistas americanos, que revelaram os resultados em pesquisa publicada na revista "Astrophysical Journal Letters".

O trabalho foi feito em conjunto por pesquisadores das universidades de Northwestern e Colorado, do MIT (Instituto de Tecnologia de Massachusetts) e do Laboratório Virtual Planet da Nasa.

O grupo tenta descobrir quais exoplanetas — aqueles localizados fora do sistema solar — poderiam conter elementos propícios para formas de vida. Eles contam com a ajuda de telescópios especiais.

Segundo o estudo, uma série de dados indica que os planetas localizados ao redor das estrelas anãs M seriam os com maior probabilidade de vida. As estrelas anãs compõem 70% da galáxia onde se encontra a Terra.

Astronomia