PUBLICIDADE
Topo

Controlada via aplicativo, lâmpada personaliza cor da iluminação

Cor da lâmpada é controlada por aplicativo - Divulgação
Cor da lâmpada é controlada por aplicativo Imagem: Divulgação

Bianca Bellucci

Do UOL, em São Paulo

17/07/2014 06h02

As “lâmpadas inteligentes” HUE, da Philips, permitem controlar e personalizar a iluminação do ambiente com uso de um aplicativo, além de reproduzir as cores de fotos armazenadas na biblioteca do seu smartphone. A tecnologia é realmente interessante, mas o preço pode ser um obstáculo para você aderir à novidade: R$ 1.300 pelo conjunto com três lâmpadas de LED ou uma avulsa por R$ 270.

Usar o equipamento é fácil. O usuário deve conectar a ponte – aparelho branco redondinho, vendido com o trio de lâmpadas – à internet. Ela é uma espécie de roteador, pois permite a comunicação entre celular com as luzes. Depois, é preciso baixar o aplicativo HUE (disponível para iOS e Android) e apertar o botão principal da ponte para sincronizar os dispositivos.

A fabricante dá dois anos de garantia e diz que o produto destina-se apenas para iluminar o interior de um ambiente. Locais externos ou úmidos, como banheiros, não são indicados.

Lâmpadas Philips HUE

  • Preço

    R$ 1.300 (kit com três e ponte) ou R$ 270 (avulsa)

  • Temperatura da cor

    2.000 - 6.500 Kelvin

  • Potência

    8,5 Watts

  • Tensão

    110 - 130 Volts

  • Pontos positivos

    Controle via aplicativo, tons criados a partir de fotos, função de timer.

  • Pontos negativos

    Preço alto para um acessório de utilidade ainda desconhecida do público.

Controle de cores
O aplicativo gratuito é simples. Ele vem com 13 cenas coloridas já prontas para utilização. Tem também quatro fórmulas criadas, segundo a Philips,  a partir de uma pesquisa sobre os efeitos biológicos da iluminação nas pessoas. São elas: cores para relaxar, ler, se concentrar e energizar (todas neutras e comuns, fáceis de encontrar no mercado).

O usuário também pode inventar diversas combinações com base nas fotos do smartphone (feita na hora ou armazenadas) e em opções oferecidas pela própria Philips. Quando escolhida essa combinação, ela será propagada por cada uma das lâmpadas (o conjunto delas aumenta o alcance, mas não é isso que resulta na cor selecionada).

As luzes também possuem timer e alarme. No primeiro recurso, o usuário pode determinar daqui a quanto tempo – minutos ou horas – a luz acenderá ou apagará. A segunda função é similar, mas funciona com hora exata: 06h30 ou 22h45, por exemplo. Ambos os modos demoram um pouco para serem executados, cerca de um minuto além do programado.

Se o usuário permitir que o aplicativo tenha acesso à sua localização, o programa executará as funções acima sozinho. Isso porque ele identifica quando o usuário está longe da ponte, ou seja, saindo de casa, e automaticamente apaga as luzes. Quando ele estiver chegando, as lâmpadas se acendem.