PUBLICIDADE
Topo

Agência americana coleta dados de milhares de usuários de celular nos EUA, diz jornal

Documento obtido pelo jornal "The Guardian" diz que usuários da operadora americana Verizon estão sendo "monitorados" pelo Governo dos Estados Unidos - Justin Lane/EFE
Documento obtido pelo jornal "The Guardian" diz que usuários da operadora americana Verizon estão sendo "monitorados" pelo Governo dos Estados Unidos Imagem: Justin Lane/EFE

Do UOL, em São Paulo

06/06/2013 12h33Atualizada em 06/06/2013 12h53

A NSA (Agência Nacional de Segurança dos Estados Unidos) está coletando dados de milhares de usuários de telefone nos Estados Unidos, segundo um documento obtido pelo jornal britânico “The Guardian”. A ordem da Justiça do fim de abril determinou que a operadora Verizon deve enviar relatórios diários da atividade de seus clientes para o Governo americano.

Uma fonte da Casa Branca consultada pela agência de notícias "AP" disse que a ação de coleta de dados é apoiada pela Casa Branca. A necessidade de monitorar ligações de cidadãos americanos se tornou "uma ferramenta crítica na proteção da nação de ameaças terroristas". No entanto, em nenhum momento confirmou a informação obtida pelo jornal britânico.

Os termos da ordem da Justiça estabelecem que os números das pessoas envolvidas (quem faz e quem recebe a chamada) devem ser identificados, assim como dados de localização, duração e horário das chamadas e identificadores das pessoas (o IMSI, um código internacional de usuários de telefonia). A necessidade de ceder o conteúdo das ligações não consta no documento.

A decisão para coleta de dados foi dada pela Fisa, uma lei americana de vigilância de inteligência estrangeira, no dia 25 de abril. Ela dá ao governo autoridade ilimitada para obter dados por três meses de usuários da operadora Verizon. O prazo está marcado para acabar em 19 de julho.

De acordo com a publicação britânica, o documento mostra que, pela primeira vez durante a administração do presidente Barack Obama, dados de milhares de americanos estão sendo coletados indiscriminadamente, independente de as pessoas serem suspeitas de algum crime. Sob a administração Bush foram descobertos vários sistemas de monitoramento  pela Agência Nacional de Segurança dos Estados Unidos. No entanto, não era conhecido que a prática continuava com a administração atual.

A forma como a coleta está sendo feita também é questionada pela publicação britânica, pois em casos de monitoramento de pessoas, geralmente, a agência de segurança inclui nome de suspeitos de algum crime.

O documento ainda determina que a Verizon não confirme publicamente a existência da coleta de dados ou da decisão da justiça a vigilância dos usuários da operadora.

Ainda não há a confirmação de que a Verizon é a única companhia a fazer este tipo de monitoramento de dados para o Governo. No passado, a agência já foi acusada de monitorar informações de ligações em todas as operadoras do país.

(Com "The Guardian" e "AP")