PUBLICIDADE
Topo

Shenzhou-13 é lançada em direção à base espacial chinesa

15/10/2021 22h02

Base de lançamento de Jiuquan (China), 16 out (EFE).- A nave chinesa Shenzhou-13 foi lançada nesta sexta-feira em direção à estação espacial Tiangong, com três astronautas a bordo, que deverão seguir cerca de seis meses nas instalações.

A partida aconteceu com sucesso da base de lançamento de Jiuquan, no norte do território chinês, às 0h23 locais (13h23 de Brasília).

A Shenzhou-13 decolou e chegou ao espaço impulsionada por um foguete, tendo tripulação composta por Zhai Zhigang, de 55 anos, Ye Guangfu, de 41, e Wang Yaping, também de 41, que será a primeira mulher na Tiangong (Palácio Celestial, na tradução para o mandarim).

Caso todo o período de permanência na estação e o retorno ocorram como o previsto, os cosmonautas se tornarão os chineses que mais tempo ficaram no espaço na história.

Fontes da base de Jiuquan indicaram que a programação é de que a Shenzhou-13 chegue à estação espacial por volta das 7h locais (20h de Brasília).

A nave lançada hoje é a quarta que chega à Tiangong, sendo a segunda tripulada, depois que a Shenzhou-12 levou para lá outros três astronautas, que voltaram à Terra em setembro, após três meses de permanência.

A previsão é que a construção da estação espacial chinesa seja concluída no fim de 2022, depois que as tripulações das naves Shenzhou-14 e Shenzhou-15 concluam os trabalhos. EFE