PUBLICIDADE
Topo

Pfizer/BioNTech entrega dados de testes de vacina em crianças de 5 a 12 anos

28/09/2021 17h22

Nova York (EUA.), 28 set (EFE).- As companhias farmacêuticas Pfizer e BioNTech anunciaram nesta terça-feira a entrega dos dados iniciais sobre os resultados de testes da vacina que produziram contra a covid-19 em crianças com idades de cinco a 12 anos, para as autoridades dos Estados Unidos.

Em comunicado, as empresas indicaram que compartilharam os dados da segunda de três fases de análise clínica com o órgão regulador de alimentos e medicação dos EUA (FDA, pela sigla em inglês) e que, nas próximas semanas, pretendem solicitar formalmente a aprovação do suo emergencial neste grupo etário.

De acordo com a nota da Pfizer/BioNTech, as autoridades locais farão uma "revisão inicial" dos resultados, após a divulgação de que duas doses menores da vacina geraram uma resposta imune "robusta nas crianças".

As duas empresas ainda informaram que, além do pedido de uso emergencial nos Estados Unidos, solicitarão o mesmo mecanismo às autoridades europeias e a outros órgãos reguladores.

Posteriormente, Pfizer e BioNTech irão submeter os dados da fase 3 dos testes clínicos à revisão científica.

Nos EUA, a vacina produzida pelas companhias já é utilizada em pessoas com mais de 12 anos e é a única que foi aprovada para aplicação em adolescentes.

A expectativa das farmacêuticas parceiras é ter dados sobre imunidade e segurança para outros dois grupos mais jovens, de seis meses a dois anos, e de dois a cinco anos, no máximo, até o último trimestre deste ano.