Topo

Olho do ciclone pós-tropical Néstor toca terra no noroeste da Flórida

19/10/2019 17h15

Miami (EUA), 19 out (EFE).- O ciclone pós-tropical Néstor tocou terra, neste sábado, na ilha de St. Vincent, no noroeste do estado da Flórida, com ventos de 75 km/h, informou o Centro Nacional de Furacões (NHC, na sigla em inglês) dos Estados Unidos.

Néstor, que até poucas horas era uma tempestade tropical e causou um tornado que deixou danos materiais nesse estado, iniciou um processo de enfraquecimento pouco antes de tocar terra e espera-se que continue essa tendência nas próximas horas, enquanto siga pelo chamado Panhandle da Flórida.

O ciclone está a 10 quilômetros do sudoeste de Apalachicola, uma pequena cidade situada ao sudoeste de Tallahassee, capital da Flórida, e se desloca rapidamente a 37 km/h.

Em um boletim emitido às 14h (horário local, 15h de Brasília), o NHC disse que Néstor produzirá durante este fim de semana na Flórida e partes do sudeste dos EUA, até 100 mililitros de acumulações de água pelas chuvas.

O ciclone tocou terra depois de produzir um tornado que causou danos às casas e a uma escola no centro da Flórida, mas ainda assim as consequências são pequenas em comparação com o furacão Michael, que em outubro de 2018 afetou a mesma área e praticamente arrasou a cidade de México Beach.

Veículos de imprensa locais mostram hoje imagens de casas com os telhados danificados e veículos sob os escombros, produto de um tornado que aconteceu ontem à noite na cidade de Lakeland.

Cerca de 10 mil casas amanheceram hoje sem energia elétrica, enquanto vários eventos programados para este fim de semana, especialmente os que aconteceriam ao ar livre, foram cancelados ou adiados por causa de Néstor.

Entre a tarde de hoje e amanhã, o ciclone pós-tropical se deslocará em partes do sudeste dos EUA, e depois retornará ao alto-mar da costa da Carolina do Norte para continuar em direção ao oeste do Atlântico. EFE

Tilt