PUBLICIDADE
Topo

Israel anuncia plano ambicioso de redução das emissões de CO2

23/07/2021 17h35

Jerusalém, 23 Jul 2021 (AFP) - O governo israelense anunciou nesta sexta-feira um plano de redução das emissões de dióxido de carbono (CO2), com o qual pretende impulsionar a transição verde de sua economia e que será apresentado neste domingo ao parlamento.

As medidas prevêem uma redução de 85% nas emissões do país até 2050 em comparação com os níveis de 2015, com uma diminuição intermediária de 27% até 2030, segundo comunicado do premier Naftali Bennet y de ministérios envolvidos.

"É a primeira vez que o governo de Israel estabelece objetivos nacionais conjuntos para reduzir as emissões e anuncia uma estratégia nacional rumo a uma economia menos poluente, eficaz e competitiva", apontou o premier. O plano permitirá que o país alcance o mesmo nível "de outros países desenvolvidos na luta mundial contra a crise climática, que ameaça toda a humanidade", acrescentou.

O projeto será submetido a votação no parlamento. O novo Executivo de Israel, que tomou posse no mês passado, conta com vários ministros que fizeram da luta contra as mudanças climáticas um de seus grandes objetivos.

Israel, que assinou o Acordo de Paris sobre o Clima em 2015, havia se comprometido até agora a manter em níveis estáveis suas emissões de CO2.

dms/mdz/eb/gm/lb