PUBLICIDADE
Topo

YouTube suspende canal de Trump e apaga vídeo por 'risco de violência'

Arquivo - Canal do presidente está "temporariamente impedido de incluir novos conteúdos por pelo menos sete dias" - Carlos Barria/Reuters
Arquivo - Canal do presidente está "temporariamente impedido de incluir novos conteúdos por pelo menos sete dias" Imagem: Carlos Barria/Reuters

Em Washington

13/01/2021 06h21

A plataforma YouTube, de propriedade do Google, suspendeu ontem por "pelo menos sete dias" o canal do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, e deletou um de seus vídeos por violar sua política contra discurso de ódio.

"Devido às preocupações com o risco atual de violência, suprimimos o novo conteúdo postado no canal de Donald J. Trump por violação de nossas políticas", escreveu a plataforma de vídeo em um comunicado.

O canal do presidente está "temporariamente impedido de incluir novos conteúdos por pelo menos sete dias", acrescentou o YouTube.

Na semana passada, o Facebook suspendeu as contas de Trump após a violenta invasão do Congresso dos EUA por uma multidão de seus partidários, o que atrapalhou a certificação da vitória eleitoral do democrata Joe Biden.

O Twitter foi ainda mais longe ao suprimir a conta do bilionário republicano, tirando sua plataforma favorita. Outras redes sociais como Snapchat e Twitch também suspenderam a conta de Trump.