PUBLICIDADE
Topo

Uber suprime 3.700 postos de trabalho e CEO renuncia ao salário

Uber - Divulgação
Uber Imagem: Divulgação

06/05/2020 11h43

Uber anunciou nesta quarta-feira a redução de 3.700 postos de trabalho entre as equipes de recrutamento e inteligência de usuários para cortar custos durante a crise provocada pela pandemia de covid-19, de acordo com documentos apresentados ao mercado de valores.

Os documentos mostram ainda que Dara Khosrowshahi, CEO da empresa, também anunciou que abre mão de seu salário pelo restante do ano fiscal, que termina em 31 de dezembro de 2020.