Topo

UE fecha acordo de orçamento para 2020 com aumento de recursos para o clima

18/11/2019 20h24

Bruxelas, 18 Nov 2019 (AFP) - Os Estados-membros e o Parlamento Europeu alcançaram na noite desta segunda-feira (18) um acordo para um orçamento de 168,7 bilhões de euros para 2020, anunciou o grupo do Partido Popular Europeu (direita) em um comunicado.

"Temos um acordo", confirmou a presidência finlandesa da UE no Twitter.

O Parlamento Europeu conseguiu de parte dos Estados-membros um aumento de 850 milhões de euros com relação à proposta da Comissão Europeia (braço executivo da UE) para financiar o combate às mudanças climáticas, a digitalização e os programas Erasmus+ para jovens, indicou o PPE.

"Reforçamos as linhas orçamentárias para o clima com 500 milhões de euros com essa proposta", detalhou Monika Hohlmeier, deputada europeia do PPE e negociadora do Parlamento Europeu para o orçamento 2020.

"O Grupo PPE também conseguiu negociar um financiamento adicional para a digitalização, um tema do qual cidadãos europeus de todos os países da UE se beneficiarão com empregos competitivos, mais saúde e melhores serviços", acrescentou.

Por último, o acordo aporta "um apoio maior aos jovens, ao aumentar o orçamento dedicado ao Erasmus+ e aos programas DiscoverEU", indicou.

"Com mais dinheiro para nossas prioridades - um aumento global de 850 milhões de euros para o clima, a digitalização e os jovens -, o orçamento para 2020 é um êxito para o Grupo PPE", concluiu.

Este acordo exigiu três semanas de negociações árduas, que deram o tom das posições que serão adotadas pelos Estados-membros para as negociações do orçamento plurianual 2021-2027 da UE, já em curso.

Em nível global, o acordo inclui compromissos de 168,7 bilhões de euros e leva o nível de pagamentos a 153,5 bilhões de euros para o orçamento de 2020.

csg/glr/jvb/mvv

Tilt