PUBLICIDADE

Samsung Galaxy A50

Moto G8 Plus

Topo

Galaxy A50 x Moto G8 Plus é duelo da câmera versátil contra bateria longa

Arte/UOL
Imagem: Arte/UOL

Wellington Arruda

Colaboração para Tilt

27/05/2020 04h00

O Moto G8 Plus e o Galaxy A50 são dois smartphones intermediários que disputam com certa precisão na faixa de preço; eles custam, oficialmente, de R$ 1.799 a R$ 1.899. Enquanto o da Samsung foi lançado há pouco mais de um ano e já deu uma barateada, o da Motorola é um pouco mais recente, de outubro, mas também começa a custar menos.

Os dois são exemplos representativos da rivalidade entre as duas companhias no Brasil. Segundo o Statcounter, entre janeiro a abril de 2020, a Samsung detém 46% do mercado brasileiro de smartphones, e a Motorola, 23%.

Mas se você não liga para o mercado e só quer um celular com preço razoável e benefícios idem, vale ver o comparativo abaixo e ver como se saem no cara-a-cara. Podemos adiantar que a disputa foi bem acirrada em vários pontos.


Divulgação
TILT
3,9 /5
Veja o review

Samsung Galaxy A50

Preço

R$ 1.799 R$ 1.599 (Shopping UOL - 22/05/2020)
Divulgação
TILT
3,8 /5
Veja o review

Moto G8 Plus

Preço

R$ 1.699 R$ 1.259,10 (Shopping UOL - 10/02/2020)
ENTENDA AS NOTAS DA REDAÇÃO

4,0

4,0

4,0

4,0

4,0

4,0

4,0

4,0

4,0

3,0

4,0

5,0

3,0

2,0

4,0

3,0

4,0

5,0

4,0

4,0

4,0

3,0

4,0

4,0

Pontos Positivos

  • Bateria tem autonomia duradoura e não deve deixar usuários na mão
  • Tela grande e confortável para navegação ou assistir
  • Bateria de excelente duração
  • Câmera de ação é ótima para vídeos

Pontos Negativos

  • Leitor de digitais na tela é mais lento do que os de linha premium
  • Desempenho pode apresentar inconsistências e lentidão para abrir apps
  • Desempenho surpreendentemente ruim
  • Câmera de ação bem que podia tirar fotos

Veredito

O A50 briga bem com smartphones como Moto G7 e G8 Plus ou One Vision. Ele tem vantagens no design, câmera e bateria. A experiência de uso foi agradável, mas ainda sem nenhum ponto de grande destaque.

Novo representante da linha "queridinha" do Brasil, o Moto G8 Plus irá agradar quem precisa de bateria com boa duração e gosta de gravar vídeos. O celular ainda ganha pontos com as Moto Ações, boa tela e câmeras, mas decepciona no quesito desempenho. O visual design também pode dividir opiniões.

No Moto G8 Plus, a Motorola traz a mesma identidade visual de outros celulares da família Moto G8: na traseira, traz o conjunto de câmeras à esquerda e o leitor de impressões digitais no meio. Ele ainda tem conector de 3,5 mm para fones de ouvido e bom aproveitamento de tela na parte frontal.

Os dois celulares trazem o plástico como material predominante, mas o A50 é ainda mais leve e fino que o rival. Suas câmeras também estão alinhadas à esquerda na traseira, mas seu leitor de impressões digitais está sob a tela. E ele também tem o conector de 3,5 mm.

Veredito: Apesar de serem celulares grandes, o G8 Plus tem o diferencial das Moto Ações. Mas, além da usabilidade, o Galaxy A50 fica na frente por ter um visual mais elegante. De qualquer forma, ambos têm acabamento arredondado e cores com efeito espelhado.

Uma coisa legal nestes dois celulares é que ambos têm tela acima de 6 polegadas (15,24 cm) e resolução confortável. São ótimas escolhas para quem curte navegar na internet ou usar redes sociais, permitiindo mais postagens na tela.

Eles também trazem tamanho ideal para assistir a vídeos, filmes ou séries pelo celular. Apesar dos dois terem um entalhe em forma de gota no topo da tela, a visualização não é prejudicada pois ele é discreto. A resolução dos dois é Full HD+, que é o padrão da maioria dos modelos e que funciona bem para quase todo usuário.

Veredito: A vantagem do Galaxy A50 sobre a tela do Moto G8 Plus está na tecnologia Super Amoled, que permite cores mais vibrantes, tons pretos profundos e melhoras no consumo de energia que a tela IPS LCD do Motorola. Ponto para os sul-coreanos aqui.

Uma outra briga bem boa entre o Moto G8 e o Galaxy A50 está na bateria. Os dois têm a mesma capacidade e suportam carregamento rápido.

Apesar da tela do celular da Samsung consumir menos energia, ambos oferecem autonomia para um dia e meio em uso moderado— isto é, com redes sociais, navegação comum e consumindo conteúdo em streaming de vídeo.

Tempo de reprodução de vídeo:

  • Moto G8 Plus: 15h07
  • Galaxy A50: 10h19

Tempo de carregamento:

  • Moto G8 Plus: 2h05
  • Galaxy A50: 1h35

Como foram os testes:

Teste de vídeo: usamos um vídeo de 45s com resolução HD (1280 x 720 pixels) e deixamos rodando em looping dentro do Google Fotos (conexão wi-fi).

Teste recarga: usamos os carregadores originais de cada aparelho para recarregar a bateria dos respectivos modelos.

Veredito: Os dois celulares são recomendados para quem dá preferência à autonomia de bateria. Por outro lado, o Moto G8 Plus se mostrou um pouco superior na reprodução de vídeos. Em outro teste, o Galaxy A50 ficou na frente no tempo de carregamento.

Câmeras principais

No total, são três câmeras na traseira de cada um dos celulares. Além do sensor principal, eles carregam uma câmera de ângulo superaberto que capta mais área dos cenários.

O Moto G8 Plus traz sensores de maior resolução, o que não significa, necessariamente, melhor qualidade. A câmera de ângulo aberto dele, por exemplo, é limitada apenas para vídeos na vertical —e que são registrados na horizontal.

No Galaxy A50, é possível usar o mesmo sensor para fotografias e filmagens. As fotos feitas por este celular têm boa captação de detalhes e contraste forte. Mas, tanto nele quanto no Moto G8 Plus, o modo de desfoque de fundo fica devendo um pouco.

Veredito: Apesar de fazer belas fotos, o Moto G8 Plus fica para trás no quesito versatilidade. O recurso de gravar com a câmera de ângulo aberto é bacana, mas muito pontual. No A50, ele ganha mais propriedade por ser usado também em fotos.

Câmera frontal

Selfie com iluminação artificial

A câmera frontal dos dois celulares têm as mesmas especificações e podem registrar selfies bem detalhadas. Além de manter detalhes e texturas da pessoa em primeiro plano, o alcance dinâmico também garante a nitidez de objetos ao fundo.

Neste ponto, vale ressaltar que a função HDR pode fazer com que alguns detalhes da pele sejam borrados no A50. Apesar disto, as duas câmeras fazem um belo trabalho.

Selfie com pouca iluminação

Comumente, as fotos com a câmera frontal em situações de pouca luz não ficam com ótima qualidade. Nestes dois, o A50 consegue registrar um pouco mais de luz, mas seus filtros de redução de ruído deixam a pele com aspecto "lavado". No G8 Plus, o ruído fica mais visível e o software também causa o mesmo efeito em peles e superfícies.

Veredito: Para fotografias com a câmera frontal, de modo geral, eles cumprem um bom papel. Isto é ainda mais válido para situações com iluminação ideal. Em cenários de baixa luz, as fotos registradas com ambos perdem muita qualidade.

Estes dois modelos são focados em usabilidade confortável, e não para desempenho pesado. Assim, eles vêm com boa quantidade de memória e armazenamento para garantir um uso relativamente consistente.

O Moto G8 Plus tem desempenho não muito empolgante. Atividades comuns, como abrir uma foto após tirá-la ou trocar de aplicativo, são executadas com certa lentidão. Apesar disto, ele não demonstrou travamentos durante os testes.

No A50, também há uma certa lentidão para executar atividades como abrir aplicativos. Nos testes de Tilt, o aparelho chegou a travar em um dos dias. Para uso geral, entretanto, o desempenho do dispositivo costuma ser mais fluido e agrada.

Moto G8 Plus

  • AnTuTu: 160.568 pontos
  • Geekbench 4: registrou 1.513 pontos considerando o desempenho médio por núcleo individual (single-core) e 5.393 pontos considerando a média de todos os núcleos (multi-core).

Galaxy A50

  • AnTuTu: 142.312 pontos
  • Geekbench 4: registrou 1.689 pontos considerando o desempenho médio por núcleo individual (single-core) e 5.136 pontos considerando a média de todos os núcleos (multi-core).

Veredito: Como já citamos, estas realmente não são máquinas de desempenho. Por outro lado, para jogos mais simples e uso tradicional, é possível se divertir com eles sem muito estresse. O A50 foi recentemente atualizado para o Android 10 no Brasil, enquanto o G8 Plus segue no Android 9.

No lado do Galaxy A50, a Samsung aposta na inteligência artificial que reconhece até 20 cenários e aprimora características da cena. Isto permite que as fotos sejam feitas com mais rapidez e com menos ajustes manuais.

Já o Moto G8 Plus tem gestos e atalhos para exibir notificações, abrir a câmera, lanterna, ou ativar comandos sem tocar no celular. Ele também pode fazer filmagens em resolução 4K, enquanto o A50 está limitado à 1080p.

Também vale mencionar que os dois carregam modos específicos para fotografias noturnas, além de aceitarem cartão microSD para expansão de memória.

Resultado

Oficialmente, o preço do Moto G8 Plus é de R$ 1.899, contra R$ 1.799 do Galaxy A50. O celular da Samsung tem também uma variante com 128 GB de armazenamento por R$ 1.899.

Ambos trazem recursos importantes para quem faz um uso mais sociável e consome bastante conteúdo em vídeo. As telas grandes agradam neste ponto. O desempenho, por outro lado, pode não ser dos mais fortes, mas pode agradar a maioria dos usuários.

Para quem prefere uma experiência mais ampla com as câmeras e qualidade de imagem na tela, o Galaxy A50 é uma solução melhor, e foi o nosso vencedor aqui, mas por muito pouco. Já para quem prefere autonomia de bateria e uma tela tão confortável quanto, o G8 Plus é o mais indicado.

Atualmente, no varejo, o preço do Moto G8 Plus é de R$ 1.469, contra R$ 1.599 do Galaxy A50. A menos que você seja mais impactado pelo design do celular da Samsung, o G8 Plus tem se mostrado uma opção mais razoável no fator preço, mas novamente a diferença é pequena.

* Preços consultados em 22/05/2020 no Shopping UOL

Especificações técnicas
  • Android 9 (atualizável para o Android 10)

  • Sistema Operacional

  • Android 9 Pie

  • 158.5 x 74.7 x 7.7 mm e 166 gramas

  • Dimensões

  • 158,4 x 75,8 x 9,1 mm e 188 g

  • não possui

  • Resistência à água

  • Azul, preto e branco

  • Cor

  • Azul e vermelho

  • R$ 1.799

  • Preço

  • R$ 1.699 (lançamento)

Tela
  • Super Amoled

  • Tipo

  • LCD

  • 6,4 polegadas

  • Tamanho

  • 6,3 polegadas

  • 2340 x 1080 pixels

  • Resolução

  • Full HD+

Câmera
  • 25 MP (f/2.0)

  • Câmera Frontal

  • 25 MP

  • principal de 25 MP (f/1.7) + grande angular de 8 MP (f/2.2) + profundidade de 5 MP (f/2.2)

  • Câmera Traseira

  • 48 MP (principal), 5 MP (profundidade) e 16 MP (câmera de ação)

Dados técnicos
  • Exynos 9610 octa-core (2.3 GHz)

  • Processador

  • Snapdragon 655 2 GHz

  • 64 GB ou 128 GB

  • Armazenamento

  • 64 GB

  • 4 GB de RAM

  • Memória

  • 4 GB de RAM

  • 4.000 mAh

  • Bateria

  • 4.000 mAh